Clóvis Reis: Governo deflagra contatos para desapropriar 90 imóveis - Cidades - O Sol Diário

SC-10807/09/2016 | 07h02

Clóvis Reis: Governo deflagra contatos para desapropriar 90 imóveis

O governo do Estado deflagrou os contatos com os proprietários cujos imóveis serão desapropriados na segunda etapa de construção da SC-108, conhecida como prolongamento da Via Expressa. No total são mais de 90 terrenos. No aniversário de Blumenau, o governador Raimundo Colombo (PSD) inspecionou os trabalhos no trecho de quase dois quilômetros entre a BR-470 e a Rua Guilherme Scharf, no bairro Fidélis, e no começo da semana chamou a Florianópolis o atual diretor da ADR (antiga SDR), Emerson Antunes, a quem comunicou que a próxima fase da rodovia é uma prioridade da administração.

O prolongamento da Via Expressa tem um custo total estimado em R$ 200 milhões e se soma a outros investimentos em mobilidade que o Estado realiza na região. No último dia 2, o governador inaugurou a Ponte de Ilhota (que demandou a aplicação de R$ 38,5 milhões em parceria com o governo federal) e anunciou o edital para revitalização da Rodovia Jorge Lacerda (orçada em R$ 50 milhões).
 
• • •
 
No próximo dia 19, o prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) receberá convidados para um jantar à moda das eleições norte-americanas. Cada participante pagará R$ 1 mil como contribuição para a campanha à reeleição, sinal das dificuldades para a arrecadação de fundos nas regras da minirreforma eleitoral.
 
• • • 
 
Na pregação contra o aumento da tarifa de esgoto, o prefeiturável Arnaldo Zimmermann (PCdoB) bateu no governo atual e no anterior. Segundo ele, quem concedeu o reajuste “generoso” foi a administração do PSDB, mas “quem vendeu o negócio milionário” do saneamento foi a gestão do PSD. Vença um ou outro representante do grupo que comanda a prefeitura nos últimos 12 anos, nada mudará na planilha de custos, prevê o candidato. Ele defende que os valores investidos na rede de água não sejam repassados para a cobrança do esgoto.
 
• • • 
 
O afastamento do empresário Emil Chartouni da vice-presidência do PTB de Blumenau foi de mentirinha, do tipo “finge que eu acredito”. Ele conta que reassumirá o cargo depois da eleição. Dependendo do resultado, volta com mais força do que tinha antes. O empresário não acompanhou a decisão do partido de apoio à reeleição do prefeito Napoleão Bernardes (PSDB) e permaneceu ao lado do prefeiturável Jean Kuhlmann (PSD), como sinalizavam as tratativas do PTB na fase de pré-campanha.
 
• • • 
 
O prefeito interino Marco Antônio Wanrowsky (PSDB) cobrou dos secretários de Obras e Planejamento agilidade na execução do PAC para construção de calçadas e ciclovias no bairro Itoupavazinha e na Alameda Rio Branco. As obras no Centro começam na semana que vem. Ele também determinou uma operação tapa-buracos na Rua Frei Estanislau Schaette, no bairro Vila Nova.

JORNAL DE SANTA CATARINA - JORNAL DE SANTA CATARINA

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioApós atentado a tiros, juíza determina toque de recolher em Santa Cecília, na Serra https://t.co/8ZcU1kpoUNhá 2 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioCampanha nacional de multivacinação termina nesta sexta-feira https://t.co/u4QQjuwhW3há 8 horas Retweet
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros