Dicas para não errar no traje típico e fazer bonito no Parque Vila Germânica - Cidades - O Sol Diário

Guia da Oktoberfest04/10/2016 | 21h24

Dicas para não errar no traje típico e fazer bonito no Parque Vila Germânica

Há alguns mandamentos para quem quer curtir a festa em grande estilo e ainda atender às exigências da organização

Os trajes típicos são com certeza um tradicional charme da Oktoberfest, mas há alguns mandamentos para quem quer curtir a festa em grande estilo e ainda atender às exigências da organização da festa para receber o desconto na entrada em função do figurino. Confira abaixo as dicas:

 

Feminino

Acessórios: comuns, a tiara florida e o chapéu são opcionais, como a bolsa e o lenço. Porém, se usadas devem seguir modelos típicos germânicos.

Avental: também é opcional, mas se utilizado deve ficar até quatro dedos acima do vestido.

Blusa: mangas longas ou curtas, cobrindo o ventre. As cores são opcionais, sempre em harmonia com o traje. Se tiver colete, deve seguir o modelo germânico e também combinar com os tecidos do vestido.

Vestido ou saia: são aceitos detalhes em renda ou bordado, longos ou na altura do joelho, com tolerância de quatro dedos acima dele (sugere-se o uso da bombacha feminina típica).

Meias: opcionais, mas se usadas devem estar na altura do joelho ou um palmo abaixo. Podem ser substituídas por polainas alemãs na altura da panturrilha.

Lederhose: originalmente masculina, pode ser usada por mulheres, com comprimento variável até a metade da coxa, no máximo. Tradicionalmente de couro, pode ser de outros tecidos, sendo considerada bermuda típica germânica.

Suspensório: opcional, mas se usado deve ser preso na calça ou bermuda por botões e cruzado atrás. Pode ser de couro ou tecidos que combinem com o traje.

Sapatos: social, botina ou bota fechada, em marrom, preto ou cinza (permitido degradê). O cadarço deve ser do mesmo tom. Tamanco de madeira também é aceito.


Masculino

Chapéu: é opcional, mas quando usado deve ser típico germânico.

Camisa: de manga curta ou longa, com colarinho. As cores são opcionais, mas devem ter harmonia com o traje.

Calça e bermuda: trajes folclóricos possuem calças longas, até o joelho ou um palmo acima. A Lederhose, originalmente de couro, pode ser de outros tecidos, sendo considerada típica germânica.

Suspensório: também opcional. Se usado deve ser preso na calça ou bermuda por botões, cruzado atrás. Pode ser de couro ou tecidos que combinem com todo o traje.

Colete: outra peça opcional, porém, quando usada, não deve ser muito justa. Cores e detalhes típicos germânicos devem combinar com o traje.

Meias: obrigatórias, até a altura do joelho ou um palmo abaixo. Podem ser substituídos por polainas alemãs (canos de meias em tricô) na altura da panturrilha.

Sapatos: é permitido sapato social fechado, botina ou bota fechada e sapatênis fechado nas cores marrom, preto ou cinza (permitido degradê). O cadarço deve ser do mesmo tom do calçado.


Onde encontrar

Além das lojas do Parque Vila Germânica, outros locais na cidade podem te ajudar a montar o seu traje típico:

Odete Trajes Típicos - (47) 3326-5935
Clube de Mães Andorinhas - (47) 3340-6179
Prenda Mari - (47) 3323-4445
HS Trajes Típicos - (47) 3322-2285
Rosen - (47) 3037-2463
Meine Griffe - (47) 8822-1095
Loja Vanilla - (47) 3035-2602
Loja Maremar - (47) 3334-1070
Fritz&Frida - www.ffmodatipicaalema.com.br
Loja Herkenhoff - (47) 3328-0100
Frida e Cia. - www.facebook.com/trajesfridaecia

JORNAL DE SANTA CATARINA - Blumenau

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros