Domingo de eleições tem casos de violência e conduta ilegal em SC - Cidades - O Sol Diário
 
 

Segurança02/10/2016 | 10h13Atualizada em 02/10/2016 | 14h29

Domingo de eleições tem casos de violência e conduta ilegal em SC

A madrugada deste domingo foi bastante movimentada para a segurança de Santa Catarina. De acordo com a central de emergência da Polícia Militar (PM), mais de 60 denúncias envolvendo crimes eleitorais foram registradas nas últimas horas. Em Nova Erechim, no Oeste catarinense, o atual prefeito da cidade sofreu uma tentativa de homicídio durante esta madrugada

Até o momento, cinco candidatos foram detidos, um em Passo de Torres, com apreensão de quantia em dinheiro, adesivos, cartazes e santinhos; um em em Porto União e outro em Laguna, por porte ilegal de arma de fogo e um quarto em Itajaí por boca de urna. Candidato a vereador de Balneário Camboriú Jorge Otávio Cachel (PMDB) foi preso em flagrante. Ele foi encaminhado para o prédio da justiça eleitoral da cidade, onde o delegado de plantão vai formalizar o flagrante. Além disso, 28 pessoas foram presas crimes ligados ao pleito eleitoral

Na cidade de Dionísio Cerqueira, no extremo Oeste, a PM prendeu dois homens acusados de compra de votos por volta das 22h de sábado. Dentro do carro em que os dois acusados estavam, os policiais encontraram santinhos de um candidato a vereador do município, R$ 1130 em dinheiro e diversos tíquetes para abastecimento em postos de combustível da região. Os homens, de 35 e 38 anos, foram levados para a delegacia. O caso ainda será investigado.

Em Ouro, no Oeste, cinco pessoas foram presas com dinheiro e material de campanha.

Eleitores com deficiência elogiam biometria e acessibilidade em SC
SC tem filas antes do início da votação e santinhos no chão
AO VIVO: acompanhe o dia de eleições municipais em Santa Catarina

Em Porto União, no Planalto Norte, a PM recebeu uma denuncia de ameaça a um candidato a prefeito. Em uma abordagem, os policiais encontraram um revolver dentro de um carro que teria sido identificado como do adversário. A ocorrência foi gerada a 1h25min deste domingo. 

Já em Vargem, no Meio-oeste catarinense, por volta das 3h20min, três homens e uma mulher foram detidos por portarem uma arma dentro de um veículo. Segundo a PM, o carro era usado por cabos eleitorais de um candidato a vereador da cidade. Na noite de sábado, quatro pessoas morreram após um homem efetuar diversos disparos contra um veículo no centro da cidade. A policia investiga se ambas ocorrências têm relação. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

Em Passo de Torres, divisa entre Santa Catarina e Rio Grande do Sul, policiais militares abordaram dois veículos utilizados na campanha de um vereador. Segundo as informações repassadas pela PM, um dos detidos é candidato a reeleição. No interior dos carros, foram encontrados do material de campanha, dinheiro, uma arma e um colete balístico. Os policiais não confirmaram se o político ainda está detido, mas ele foi encaminhado à DP junto com outras duas pessoas para prestar esclarecimentos. 

Na cidade de Laurentino, no Alto Vale, às 3h45min desta madrugada, duas pessoas foram detidas suspeitas de compra de voto. Com os suspeitos, foram encontradas R$ 4 mil reais em dinheiro e santinhos. A ocorrência aconteceu na Rua Antônio de Oliveira Roberto no centro da cidade.

Leia as últimas notícias do Diário Catarinense

O Sol Diário
Busca