Enem é aplicado em 98% dos locais de prova, afirmam MEC e Inep em coletiva - Cidades - O Sol Diário
 
 

Balanço05/11/2016 | 19h25Atualizada em 05/11/2016 | 19h31

Enem é aplicado em 98% dos locais de prova, afirmam MEC e Inep em coletiva

Ao todo, as provas foram aplicadas em 16.071 locais do Brasil. Cerca de 271 mil inscritos tiveram suas provas adiadas para dezembro

Ao todo, as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste sábado foram aplicadas em 16.071 locais. O total, que abrange todo o território nacional, representa 98% dos pontos definidos pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O número de instituições onde as provas não foram aplicadas _ por conta das ocupações contra a PEC 241 _ sofreu atualizações de última hora durante a manhã deste sábado. Segundo o balanço do Inep, 405 locais e 271.033 inscritos tiveram suas provas adiadas para dezembro. Os dados de abstenções ainda não foram divulgados.

Em Florianópolis, onde inicialmente não foram informados adiamentos, alguns inscritos foram pegos de surpresa. Isso por que, por volta das 11h, o Ministério da Educação (MEC) informou que em razão de ocupação as provas foram canceladas nos blocos do Centro de Ciências da Educação (CED), com 345 alunos inscritos, e do Centro de Filosofia e Ciências Humanas, 716 inscritos, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). 

Os dados do primeiro dia de prova foram informados durante uma coletiva de imprensa na sede do Inep, em Brasília, a partir das 18h deste sábado. Durante a coletiva, a presidente do Instituto, Maria Inês Fini, classificou como positivo os dados do primeiro dia do Exame. Segundo ela, houve erro apenas em Brasília e no Pará, onde os inscritos foram avisados que não ocorreria a prova por conta das ocupações, mas as escolas listadas não estavam ocupadas. 

Os candidatos que foram até estes locais puderam fazer o Exame normalmente. Já quem, por conta do aviso, não compareceu, fará o teste em dezembro. O Ministro da Educação, que também estava presente na coletiva, reiterou que, diante da tensão que foi administrada nos últimos dias, o resultado foi positivo.

Na primeira etapa da prova, os candidatos tiveram quatro horas e meia para resolver 45 questões de múltipla escolha de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. Entre os temas abordados estão crise, refugiados, Estado Islâmico e feminismo. Pouco depois das 16h, os candidatos começaram a sair dos locais de prova, já que o tempo mínimo de permanência nas salas esgotou às 15h30min. 

Neste domingo, as provas serão de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias. Os portões serão abertos às 12h (horário de Brasília) e fechados às 13h. As provas começam às 13h, mas têm 5 horas e 30 minutos.

Leia também:
Mais de 176 mil estudantes farão as provas do Enem neste sábado e domingo em Santa Catarina

Estudantes já ocuparam 23 escolas, institutos e universidades em 13 municípios de Santa Catarina


O Sol Diário
Busca