Movimento organiza ato em apoio aos estudantes das ocupações em SC - Cidades - O Sol Diário

NA CAPITAL18/11/2016 | 11h57Atualizada em 18/11/2016 | 20h34

Movimento organiza ato em apoio aos estudantes das ocupações em SC

Marcado para 16h, no Largo da Alfandega, o protesto busca mostrar o que pensam os alunos sobre as medidas anunciadas pelo atual governo

Movimento organiza ato em apoio aos estudantes das ocupações em SC Betina Humeres / Agência RBS/Agência RBS
Estudantes ocupam desde o último dia 26 o prédio do Instituto Federal de Educação (IFSC), no centro de Florianópolis Foto: Betina Humeres / Agência RBS / Agência RBS

Estudantes, pais e professores que participam e apoiam as ocupações nas instituições de ensino em Santa Catarina se reúnem na tarde desta sexta-feira, em Florianópolis, em um ato de apoio ao movimento. Marcado para 16h, no Largo da Alfandega, o protesto, segundo os organizadores, busca mostrar o que pensam os alunos sobre as medidas anunciadas pelo atual governo.

A Polícia Militar (PM), que acompanhou a reintegração de posse na Udesc hoje pela manhã, informou que não foi notificada do protesto desta tarde. No entanto, conforme afirmou o tenente-coronel, Marcelo Pontes, agentes acompanharão as manifestações.

— Vamos também, lá na hora mesmo, tentar encontrar alguma liderança do movimento, até mesmo para saber o trajeto, por exemplo — afirmou.

Além de serem contrários à PEC 55, os estudantes, que são alinhados ao movimento nacional, rechaçam a Medida Provisória que reforma o Ensino Médio e do projeto de Lei da Escola Sem Partido - apelidada pelo movimento de "Lei da Mordaça".

A reportagem do Diário Catarinense tentou contato com os integrantes das ocupações para saber mais detalhes da manifestação de hoje. No entanto, ninguém quis falar sobre o assunto. 

Confira o texto divulgado na página do evento

"As escolas ocupadas convidam os estudantes, professores e trabalhadores do estado para um ato unificado. Mostrando nosso repudio relativo ao PEC 55 (antiga PEC 241) que afeta diretamente os investimentos na saúde e educação entre outros; a MP 746, da Reforma do Ensino Médio, que na realidade só piora mais ainda o ensino médio; e a Escola sem Partido, que na realidade é a Escola de Um Único Partido, que amordaça o professor e o censura."

Ocupações

Atualmente, sete campi do Instituto Federal de SC (IFSC), três Centros Acadêmicos da UFSC, em Florianópolis, duas escolas estaduais e um prédio do Instituto Federal Catarinense (IFC), estão com ocupações. 

PM desocupa reitoria da Udesc na Capital
Udesc suspende aulas em prédio da Esag
Com pautas diversas e apoio de gestores, estudantes ocupam mais de 20 escolas em SC

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros