SC tem movimento intenso em rodovias e número de mortes abaixo da média nesta segunda-feira - Cidades - O Sol Diário

Entre Natal e Ano-Novo26/12/2016 | 21h29Atualizada em 26/12/2016 | 21h41

SC tem movimento intenso em rodovias e número de mortes abaixo da média nesta segunda-feira

Somente uma morte foi registrada no pós-Natal; Estimativa da PRF é aumento de 50% no movimento nos próximos dias e Autopista Litoral Sul fala na circulação de 59 mil veículos por praça entre 1º e 2 de janeiro

SC tem movimento intenso em rodovias e número de mortes abaixo da média nesta segunda-feira Felipe Carneiro/Agencia RBS
Foto: Felipe Carneiro / Agencia RBS

Se no fim de semana de Natal o movimento nas estradas catarinenses era maior em direção ao interior, a situação inverteu-se nessa segunda-feira. Todos os caminhos levaram e vão continuar levando até o fim desta semana ao litoral de Santa Catarina, que deve ser palco para a festa de Ano-Novo de 1 milhão de visitantes, segundo a Santur, confirmando as expectativas iniciais das autoridades. As rodovias de maior movimentação até o momento foram a BR-101, especialmente na Grande Florianópolis e litoral Norte, a BR-470, no Vale do Itajaí, e a BR-280, em direção às praias de São Francisco do Sul.

Nas últimas 24 horas, somente uma morte foi registrada nas rodovias federais catarinenses — envolvendo mais uma vez um motociclista — e nenhuma em rodovias estaduais. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a média histórica do número de mortes nas estradas federais é de 1,5 a cada dia. 

— Está um pouco abaixo da média historicamente registrada. Mas isso é bastante relativo. Acidentes com motos nem sempre estão ligados à movimentação turística, porque esse é um meio de deslocamento curto. De qualquer forma, as motos participam de 20% dos acidentes, mas os motociclistas são 40% das vítimas. É um veículo muito inseguro — avalia o chefe do Núcleo de Comunicação da PRF, Adriano Fiamoncini. 

Ao longo do dia, pequenos acidentes foram registrados como um engavetamento envolvendo cinco veículos em Itajaí, que chegou a provocar filas por volta das 12h, mas não resultou em feridos, nem vítimas. Ainda na manhã de segunda-feira, uma fila de 30 quilômetros na BR-470 em direção à BR-101, que dá acesso às praias, deixou claro o fluxo de movimentação dos catarinenses e dos turistas que chegam ao Estado. 

Depois, à tarde, o km 86 da BR-101, em Barra Velha, também chegou a registrar 25 quilômetros de lentidão em direção ao Sul. Outros pontos de trânsito intenso que chamaram a atenção ao longo de dia aconteceram no km 147, em Itapema, onde houve 12 quilômetros de lentidão para quem ia ao Norte e no km 224, em Palhoça, com 20 quilômetros de congestionamento na mesma direção. 

A projeção da Autopista Litoral Sul, concessionária da BR-101 em SC, é de que 59 mil veículos circulem por praça de pedágio entre os dias 1º e 2 de janeiro_ volume 83% maior que o registrado em dias normais. Para a administradora, o fluxo deverá ser de maior intensidade na saída e no retorno do fim de semana _ sexta-feira das 12h à meia noite, sábado das 7h às 17h e, depois, domingo das 15h às 22h e segunda-feira das 9h às 17h.

Já na avaliação da PRF, haverá aumento de 50% na circulação de veículos, chegando a picos de 100% na BR-101 e na BR-470. 

— O feriado de Ano-Novo vai ser parecido com o Natal, porque também cai em um fim de semana. A diferença vai ser no perfil: agora é em direção às praias em vez do interior. Estão vindo mais turistas do Rio Grande do Sul e do Paraná, enquanto os argentinos devem chegar mais depois da virada — complementa Fiamoncini. 

Morte em Itajaí

Ainda que intenso, o trânsito em rodovias catarinenses vitimou somente uma pessoa nessa segunda-feira. O acidente aconteceu no km 123 da BR-101 às 18h30min. Em uma colisão traseira envolvendo uma motocicleta Honda CG com placas de Itajaí e uma Mercedez Benz 1718D com placas de Venâncio Aires (RS), um motociclista de 45 anos acabou faleceu. O caroneiro da moto, um homem de 19 anos, foi encaminhado ao Hospital Marieta Konder Bornhausen com lesões graves. O motorista do veículo saiu ileso da batida. 

Nas rodovias estaduais, somente duas ocorrências por embriaguez ao volante foram contabilizadas. A primeira delas envolveu uma mulher na SC-405, em Florianópolis, que posteriormente foi levada à Polícia Civil para prestar esclarecimentos e a segunda na SC-415, em São Francisco do Sul, onde um homem de 26 anos foi encaminhado à Delegacia de Polícia local. 

Segunda-feira: 

Itajaí: motociclista de 45 anos morreu na BR-101.

Domingo:

Indaial: motociclista de 58 anos morreu na BR-470.

Bom Jesus: motociclista morreu em acidente na SC-480 por volta das 6h.

Publicidade

Sábado:

Vidal Ramos: motociclista morreu após cair de moto na SC-110 por volta das 5h.

Campo Belo do Sul: prefeito reeleito da cidade morreu em acidente na BR-116.

Jacinto Machado: veículo capotou e caroneiro morreu na SC-285 às 3h20min.

Sexta-feira:

Siderópolis: acidente entre motos deixou um morto no início da noite em uma estrada no interior da cidade.

Gaspar: acidente entre moto e Kombi deixou um morto na tarde de sexta-feira em uma via interna do município.

Içara: colisão entre carro e caminhão deixou um morto na manhã de sexta-feira.

Leia também:

AO VIVO: acompanhe o trânsito do feriado nas principais rodovias de SC

SC tem 14 trechos federais entre os 100 mais perigosos, indica polícia

Terminal Rita Maria, em Florianópolis, tem aumento nos embarques

Tráfego nas rodovias federais de SC deve dobrar no Natal, prevê PRF

SC se prepara para receber 1,4 milhão de argentinos ao longo do verão

Feriado de Natal: o que abre e o que fecha nas principais cidades de SC

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAugusto Ittner: Blumenau sedia segunda etapa do Catarinense de Beisebol https://t.co/9KKzSphKXghá 1 horaRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioHospital de Braço do Norte recebeu oito vítimas de incêndio em hotel https://t.co/pOOvQ0u4YNhá 2 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros