Santa Catarina tem 66,8% dos pontos analisados próprios para banho, segundo Fatma - Cidades - O Sol Diário

Balneabilidade05/01/2017 | 11h31Atualizada em 05/01/2017 | 21h23

Santa Catarina tem 66,8% dos pontos analisados próprios para banho, segundo Fatma

Índice é 16.7% inferior ao apresentado na primeira análise do verão, feita no dia 5 de dezembro de 2016

Santa Catarina tem 66,8% dos pontos analisados próprios para banho, segundo Fatma Cristiano Estrela/Agencia RBS
Último relatório apontou que dos 214 locais analisados, 71 apresentaram índice de poluição superior ao aceito pelo órgão Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

O primeiro relatório de balneabilidade de 2017 mostrou que 66,8% dos pontos de praia analisados pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) em Santa Catarina estão próprios para banho. A pesquisa que analisa a qualidade da água apontou que dos 214 locais analisados, 71 apresentaram índice de poluição superior ao aceito. O número é 16.7% inferior ao apresentado na primeira análise do verão, feita no dia 5 de dezembro de 2016. Naquela data, 79.4% (170) dos locais analisados estavam com condições de saneamento favoráveis. 

De acordo com o laboratório da Fatma, a redução do número de pontos próprios se deve ao aumento da chuva de verão, que têm ocorrido quase todos os dias no Estado. No entanto, em relação ao mesmo período do ano passado, quando a Fatma analisava apenas 208 pontos, a situação melhorou. Em 2016, as amostras colhidas apontaram 71 áreas impróprias, o que representava 34.1% dos locais avaliados. 

Só na Capital, das 75 praias analisadas, 51 (68%) estavam com pontos próprios para banho no dia da coleta das amostras, feita entre a última segunda e quarta-feira. Somadas as outras regiões do Estado, 92 (67,6%) estão aptas para os banhistas. 

Na praia dos Ingleses, por exemplo, dos sete locais investigados pelos funcionários da Fatma, um apresentou problema. Já em Canasvieiras,que durante a temporada passada apresentou problemas de poluição, dos oito pontos estudados, três foram diagnosticados como impróprios.

Em Balneário Camboriú, principal ponto turístico do Litoral Norte, dos 14 pontos analisados, nove ficaram acima do índice de poluição. Destes, seis tornaram-se impróprios pela primeira vez na temporada. Outros três já haviam registrado mesmo resultado. 

Navegue no mapa abaixo e veja a condição das praias de SC, segundo a Fatma:

Divulgados semanalmente desde o início da temporada, seis novos pontos passaram a ser avaliados neste ano: quatro em Governador Celso Ramos, na Grande Florianópolis, e dois em Imbituba, no Sul.

Os pontos analisados são nos municípios de Araranguá, Bal. Arroio do Silva, Bal. Gaivota, Bal. Camboriú, Bal. Da Barra do Sul, Bal. Rincão, Barra Velha, Biguaçú, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Gov. Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Piçarras, Porto Belo, São Francisco do Sul e São José.

Como funciona a classificação:

Para que a análise confirme se o ponto é próprio ou impróprio para banho, a Fatma analisa a presença da bactéria Escherichia Coli - presente em fezes de animais e humanos. Para obter o resultado, são necessárias ainda cinco coletas consecutivas.

Próprio: quando em 80% ou mais de um conjunto de amostras coletadas nas últimas cinco semanas anteriores, no mesmo local houver no máximo 800 Escherichia coli por 100 mililitros.

Impróprio: quando em mais de 20% de um conjunto de amostras coletadas nas últimas cinco semanas anteriores, no mesmo local, for superior a 800 Escherichia coli por 100 mililitros.

Leia mais notícias:
Primeiro relatório de balneabilidade de 2017 mostra melhoria em relação ao ano passado

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSeleção de Tite dá show, goleia o Uruguai e segue 100% rumo à Rússia https://t.co/LbbO5Fsq5nhá 5 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSeleção Brasileira de Tite vence o Uruguai, segue 100% e põe o pé na Rússia https://t.co/LuC1SLFe1mhá 5 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros