Prefeitura de Balneário Camboriú suspende visitas no parque ecológico por seis meses - Cidades - O Sol Diário

Meio ambiente13/02/2017 | 09h47Atualizada em 13/02/2017 | 09h47

Prefeitura de Balneário Camboriú suspende visitas no parque ecológico por seis meses

Parque permanecerá fechado para execução de plano de manejo

Foto: Rafaela Martins / Agencia RBS

O parque ambiental Raimundo Malta, em Balneário Camboriú, ficará fechado pelos próximos seis meses. A Secretaria de Meio Ambiente pretende, nesse período, reestudar a topografia, fauna e a flora local e preparar o plano de manejo, que o parque ainda não tem.

A tendência é que o fechamento se estenda, já que o município ainda terá que compor um conselho gestor para discutir o plano.

O parque era usado como suporte para educação ambiental, e recebia cerca de 3 mil pessoas por mês. No entender da administração, além da necessidade de regramento o espaço também não está adequado para visitação.

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDesempenho no comando do Figueirense pesa para a permanência de Milton Cruz  https://t.co/raveHuQnKehá 46 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDagmara Spautz: Seminário reunirá alguns dos maiores exportadores do Estado  https://t.co/DJSwIGhkiJhá 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca