Unidos da Coloninha é a campeã do Carnaval 2017 de Florianópolis - Cidades - O Sol Diário
 
 

Carnaval 201727/02/2017 | 15h07Atualizada em 27/02/2017 | 21h02

Unidos da Coloninha é a campeã do Carnaval 2017 de Florianópolis

Escola de samba do Estreito conquista o bicampeonato ao contar as grandes invenções da humanidade

Unidos da Coloninha é a campeã do Carnaval 2017 de Florianópolis Cristiano Estrela/
Unidos da Coloninha recebe o troféu e comemora o bicampeonato do Carnaval de Florianópolis Foto: Cristiano Estrela
Diário Catarinense
Diário Catarinense

A escola de samba Unidos da Coloninha é a campeã do Carnaval 2017 de Florianópolis. A apuração das notas dos jurados foi realizada na tarde desta segunda-feira, 27, na Passarela Nego Quirido. A agremiação do Estreito obteve 269,3 pontos e é campeã do Carnaval da Capital pela nona vez, conquistando dois títulos seguidos (em 2016 e em 2017). 

Já na festa de comemoração na sede da agremiação, na Rua Tupinambá, no bairro continental da cidade, o presidente da Coloninha Sérgio Roberto da Cunha comemorou o resultado: 

— Estou com o sentimento de dever cumprido por estar dando essa alegria para a comunidade. Também parabenizo todas as escolas co-irmãs. Todas foram vitoriosas, porque foi um carnaval muito difícil, com poucos recursos, dificuldade financeira. Todas são campeãs — disse, emocionado. 

Cunha ainda lembrou as eleições que a escola terá para escolha de nova diretoria. 

— O novo presidente vai ter que tomar decisões para não ter tantos problemas financeiros no ano que vem. Mas deixo na mão do novo presidente. 

As seis escolas do grupo especial desfilaram entre a noite de sábado e a manhã de domingo na Passarela Nego Quirido, no Centro da Capital. Segundo a Liesf, nenhuma escola de samba deixou de cumprir os pré-requisitos descritos no regulamento. E, pelo fato de não terem sido realizados os desfiles do grupo de acesso e do grupo de acesso A, nenhuma agremiação do grupo especial cairá para divisões anteriores. 

Quesitos que garantiram o título

Penúltima escola a se apresentar no grupo especial, a escola campeã escolheu o enredo "A Coloninha teve uma boa ideia - Salve todos os inventores e suas mentes brilhantes" para este ano. A agremiação levou para a passarela três alegorias e 1,8 mil componentes divididos em 24 alas para contar a história das grandes invenções da humanidade.

Desfile da Unidos na Coloninha na Nego Quirido; Nessa ala, o destaque ficou por conta da invenção do cinema Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

A comissão de frente já deu um gostinho do que viria: alquimistas levaram uma grande caldeira para a avenida. Ao todo, foram 25 alas — pelo menos três delas eram coreografadas — e dois carros alegóricos, um no início e outro no fim da apresentação. Em se tratando de criações do homem, a agremiação lembrou desde a luneta até o computador, e encerrou o desfile perguntando-se o que viria pela frente. 

O júri aprovou. Dos nove quesitos avaliados por 27 jurados, a Coloninha teve média 10 em cinco deles. A nota mais baixa foi 9,6, em enredo. 

Bicampeonato indica boa fase da escola

Em 2016, a Unidos da Coloninha já havia conquistado o título, depois de seis anos de espera. A escola das cores azul, verde e branco foi vencedora também em 1984, 1985, 1986, 1987, 1989, 1995 e 2009. 

Tensão dos integrantes da Unidos da Coloninha durante a apuração das notas dos jurados Foto: Cristiano Estrela

A Sociedade Recreativa e Cultural Unidos da Coloninha foi fundada em 10 de janeiro de 1962 pelos jovens amigos Carlos Sizenando da Cunha, Murilo de Oliveira, Natalício Sizenando da Cunha, Otávio José de Oliveira, Raul André de Andrade, Rodolfo Silva, Santos Leal Constâncio Machado e Waldemiro Câmara. 

A escola ficou afastada do Carnaval de 1963 a 1983, retomando a participação nos desfiles de 1983. Já no ano seguinte, se tornou campeã pela primeira vez como o enredo "Feitos e Efeitos da Cana de Açúcar". Esse título abriu as portas para a série de cinco campeonatos consecutivos alcançados até 1989 (em 1988 não houve desfile).

– É um prazer muito grande, uma honra conquistar esse bicampeonato. A gente ensaiou muito desde agosto, toda semana. É muito amor por essa escola – diz, emocionado, o mestre da bateria da Coloninha, Eduardo Machado Seara.

Copa Lord também comemora o vice-campeonato

Embaixada Copa Lord recebe o troféu de vice-campeã Foto: Cristiano Estrela

Embaixada Copa Lord recebeu o troféu de vice-campeã do Carnaval de Florianópolis. A escola teve 268,7 pontos e ficou a apenas 0,2 à frente da Consulado, tempero que deu motivos para a agremiação comemorar bastante o resultado. Neste ano, não há rebaixamento de escolas para o grupo de acesso. 

Veja abaixo os detalhes da apuração direto da Nego Quirido

Desfile das campeãs

A Nego Quirido recebe nesta terça-feira, 28. a partir das 22h30min, o Desfile das Campeãs. Quem vai para a passarela novamente serão as escolas Copa Lord e Unidos da Coloninha, nessa ordem. Elas terão o mesmo tempo que tiveram no sábado para reapresentar o samba-enredo: até 1h10min cada uma.  

Quem comprou ingresso para comparecer no desfile do grupo especial no sábado, pode levar o canhoto nesta terça para acessar às arquibancadas. Os camarotes da Liga e do prédio Nega Tide também vão receber os foliões que já têm ingressos. A Liesf também vai vender ingressos a R$ 40 (arquibancada) a partir das 14h na bilheteria da Passarela Nego Quirido.

Leia também:
Coloninha demonstra criatividade na Nego Quirido

Pop Gay anima segunda-feira de Carnaval com show da cantora Lexa

Bloco da Pracinha arrasta uma turma irreverente no Sul

Joaçaba, a cidade do interior que faz o melhor carnaval de SC

Balneário Camboriú resgata tradições e reúne multidão na orla

Veja tudo sobre o Carnaval em SC 

O Sol Diário
Busca