Santa Catarina registra quatro casos de gripe A em dois meses - Cidades - O Sol Diário

Influenza16/03/2017 | 18h32Atualizada em 16/03/2017 | 18h37

Santa Catarina registra quatro casos de gripe A em dois meses

Estado também teve um caso de influenza B. No mesmo período do ano passado, foram 12 registros

Santa Catarina registra quatro casos de gripe A em dois meses Andressa Gallo/Divulgação
Vacinação ocorrerá entre 17 de abril e 19 de maio deste ano Foto: Andressa Gallo / Divulgação
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Depois de 758 casos e 117 mortes causadas pelo vírus influenza em Santa Catarina em 2016, as ações de prevenção devem continuar neste ano. Nos primeiros dois meses foram registrados quatro casos do vírus influenza A e um de B. No mesmo período de 2016, foram registrados 12 casos de hospitalizações por gripe, já em 2015 foram três. 

A 19ª Campanha Nacional de Vacinação contra gripe em Santa Catarina será realizada no período de 17 de abril a 19 de maio, sendo o dia 6 de maio o dia "D" de mobilização nacional. No período de 10 a 13 de abril, a vacina estará disponível apenas para os trabalhadores da saúde.

O consultor da Sociedade Brasileira de Infectologia Munir Ayub lembra que no inverno que costumam ocorrer mais casos de gripe. Ele diz que em São Paulo, alguns casos já começam a aparecer, porém com menos intensidade: 

— A gente não conseguiu entender porque houve aquela antecipação no ano passado. Precisamos aguardar mais um pouco para saber qual será o comportamento do vírus neste ano. 

Vacina contra tétano também será oferecida

Em Santa Catarina, haverá uma intensificação da vacinação contra o tétano durante o período de campanha da gripe, especialmente nos adultos, grupo que apresenta baixa cobertura vacinal. Quem não tiver ou perdeu a carteira de vacinação, também pode procurar o posto de saúde para tomar a vacina contra o tétano.

No ano passado, 12 casos de tétano acidental foram notificados no Estado, sendo a maioria entre pessoas maiores de 50 anos, dos quais quatro evoluíram para óbito. Isso representa uma taxa de letalidade de 33,3%, acima da taxa nacional, que foi de 32,6%. A vacinação é a única maneira de evitar a doença, mas é preciso tomar três doses para garantir a imunização, com reforço a cada 10 anos.

Prevenção contra a gripe precisa ser lembrada

As ações de prevenção contra gripe devem ser mantidas. É importante lavar as mãos frequentemente com água e sabão ou utilizar o álcool gel, e evitar tocar os olhos, a boca e o nariz após o contato com essas superfícies.

É importante ficar atento aos sintomas da gripe, que, em geral, são febre alta, calafrios, tosse, dor de cabeça, dor de garganta, cansaço e dores musculares. Quem estiver com febre alta, tosse e falta de ar deve procurar uma unidade de saúde em até 48 horas. O tratamento precoce com medicamentos antivirais ajuda a evitar a evolução para formas graves que podem levar a internação e ao óbito.

O que apresentar na campanha

Para receber a vacina, entre 17 de abril a 19 de maio, basta se dirigir a uma unidade de saúde com sala de vacina. 

— Os professores precisam apresentar comprovante de vínculo com uma instituição de ensino e as pessoas dos grupos de portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais precisam apresentar prescrição médica com a indicação para a vacina — informa  a enfermeira Vanessa Vieira da Silva, gerente de Imunização da Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde.

Pacientes já cadastrados em programas de controle das doenças crônicas do Sistema Único de Saúde (SUS) devem se dirigir aos postos que estão cadastrados. Saiba onde buscar a vacina no site www.gripe.sc.gov.br.

Leia também:

Meta é vacinar 1,6 milhão de catarinenses contra gripe em 2017

ANS libera dois planos de saúde de SC que estavam suspensos 

Unimed Grande Florianópolis tem queda de médicos credenciados e clientes  

Ação entre Facebook, EUA e Polícia Civil evita que homem cometa suicídio no Meio-Oeste de SC

Número de cesarianas cai pela primeira vez no Brasil


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioLarissa Linder: indústria da carne, nem melhor nem pior do que pensei https://t.co/yeIBW7tdihhá 2 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPassageiros reclamam de má conservação e descumprimento nos horários de ônibus da Jotur https://t.co/zbKHkCRyanhá 2 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros