Veja categorias que paralisarão atividades nesta sexta-feira em SC - Cidades - O Sol Diário

Greve geral27/04/2017 | 12h40Atualizada em 27/04/2017 | 14h13

Veja categorias que paralisarão atividades nesta sexta-feira em SC

Greve geral deve ocorrer em todo o país nesta sexta-feria

Diário Catarinense
Diário Catarinense

A greve geral convocada por centrais sindicais para esta sexta-feira em todo o Brasil vai afetar diversos serviços em Santa Catarina. Ao menos nove cidades terão paralisações. Veja abaixo as categorias que já definiram por participar da mobilização contra as reformas trabalhista e previdenciária.

Saúde 

O Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimento de Saúde Pública Estadual e Privado de Florianópolis e Região (Sindsaúde-SC) informa que a categoria vai participar da mobilização e que as unidades devem ficar fechadas. Os trabalhadores devem fazer piquetes em frente a hospitais e eles indicam que até mesmo as emergências não devem abrir, tendo apenas um atendimento mínimo necessário. Já a Secretaria de Estado da Saúde informou, por meio de nota, que "embora ocorra a paralisação geral nesta sexta-feira, 28, as emergências dos hospitais públicos funcionarão normalmente".

Educação

O Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sinte-SC) também vai cruzar os braços. A entidade afirma que todas as escolas públicas do Estado devem parar. Ao menos duas escolas privadas da Capital — o Colégio Catarinense e o Educandário Imaculada Conceição — também não terão aulas. O IFSC comunicou que também vai parar. Na UFSC, a maior parte dos alunos ficará sem aulas, já que os técnicos administrativos e os professores ligados a uma associação (Andes) anunciaram adesão. Professores ligados a outra associação (Apufsc) realizarão uma assembleia na manhã de sexta para debater o tema. 

Transporte público

Em Blumenau, os trabalhadores já definiram que não trabalharão na sexta-feira. Em Joinville, a paralisação será parcial, apenas no Terminal Central, entre 7h e 8h. Um ato deve ocorrer no local. Na Capital, os trabalhadores decidirão durante a noite se param ou não. Independentemente disso, a prefeitura anunciou que vans farão transporte alternativo

Serviço público

Os sindicatos dos servidores das três maiores cidades do Estado anunciaram adesão à greve geral. Portanto, não deve haver prestação de serviço nos órgãos municipais de Blumenau, Florianópolis e Joinville. 

Outros serviços  

Trabalhadores dos Correios e bancários também anunciaram que devem parar as atividades nas principais cidades do Estado. Nos Correios, uma greve já teve início nesta quinta-feira, porém ainda é parcial. Os aeroportuários decidiram aderir à mobilização nacional, portanto é provável que haja efeitos em escala, com atrasos ou até mesmo cancelamento de voos em Santa Catarina amanhã. 

Leia mais

Greve geral afetará serviços em pelo menos 9 cidades de SC nesta sexta 
Greve geral marcada para sexta terá adesão de sete centrais sindicais em SC
Entidades sindicais protestam contra reformas no centro de Florianópolis
Sindicatos de trabalhadores realizam paralisação nesta sexta-feira em Joinville



 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioA quatro dias do fim da campanha, apenas 72% da população de risco se vacinou em SC   https://t.co/XFxTCCAy2Uhá 15 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSenador Paulo Bauer (PSDB) é citado em delação da JBS https://t.co/XZru6MamGlhá 50 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros