Catarinenses de destaque serão homenageados com o Troféu Viver SC nesta segunda-feira - Cidades - O Sol Diário

Valorização05/06/2017 | 09h40Atualizada em 05/06/2017 | 11h09

Catarinenses de destaque serão homenageados com o Troféu Viver SC nesta segunda-feira

Premiação será entregue a seis personalidades nesta segunda na sede da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia, em Florianópolis 

Catarinenses de destaque serão homenageados com o Troféu Viver SC nesta segunda-feira Arte/DC
Foto: Arte / DC
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Valorizar as riquezas culturais e a pluralidade de cada região do Estado são os objetivos do Viver SC, iniciativa do Diário Catarinense. Para marcar o encerramento da quarta temporada do projeto, será entregue nesta segunda-feira, 5, o Troféu Viver SC para personalidades catarinenses que se destacam nas mais diferentes áreas de atuação, seja empreendedorismo, esporte, cultura ou aventura. A entrega das homenagens ocorre hoje, às 20h, na sede da Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate), em Florianópolis.

Na terceira edição do evento, serão seis homenageados por levarem o nome de SC pelo mundo: o jornalista Ascânio Seleme; o arcebispo Dom Murilo Krieger; o casal de velejadores Heloísa e Vilfredo Schurmann; o empresário Luiz Fernando Furlan e o atleta Tiago Splitter. A escolha dos agraciados é feita pelo Comitê Editorial dos veículos da RBS em Santa Catarina. No evento, também será realizada a entrega do prêmio da foto vencedora do concurso cultural Viver SC para o leitor Edson Hostins. O montanhista subiu 1.043 metros do Morro do Cambirela e registrou uma paisagem coberta por nuvens.

Na edição anterior, foram premiadas a atriz Bruna Linzmeyer, o artista plástico Juarez Machado, o ex-governador Colombo Salles, a empresária Sônia Hess de Souza e o presidente da Fiesc, Glauco José Côrte.

Ascânio Seleme
O jornalista publicou o primeiro artigo da carreira aos 16 anos no jornal Correio do Norte, de sua cidade natal: Canoinhas, no Norte de Santa Catarina. Hoje, aos 60, comanda um dos principais jornais impressos do país – desde 2011 é o diretor de redação de O Globo. Antes disso, passou pelo Jornal de Santa Catarina, na sucursal de Florianópolis. Aos 32 anos, começou a atuar em O Globo, na sucursal de Brasília. Ao longo da carreira, conquistou diversos prêmios, entre eles, três Esso – a principal premiação de jornalismo do Brasil.

Dom Murilo Krieger
Catarinense de Brusque, o arcebispo Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger é considerado uma das figuras religiosas brasileiras mais importantes da atualidade, sendo o primaz do Brasil, título honorário por exercer a função na diocese mais antiga do país, em Salvador. Sua vocação para a Igreja foi despertada na infância e, aos 73 anos, tem como lema de vida a frase "Deus é amor". Em 2015, o catarinense foi eleito vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Heloísa e Vilfredo Schurmann
Os Schurmann foram os primeiros brasileiros a dar a volta ao mundo em um veleiro. Em 1984, a carioca e professora de inglês Heloísa e o consultor financeiro manezinho Vilfredo decidiram deixar a segurança da vida em terra firme em Florianópolis para viver um sonho em família. O casal embarcou com os três filhos – Pierre, David e Wilhelm – para realizar o sonho. Foram 10 anos velejando pelos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico. Em 1995, adotaram Kat. A menina morreu em 2006, aos 13 anos, devido a complicações decorrentes do vírus HIV. A vida da pequena marinheira inspirou o best-seller Pequeno segredo: A lição de vida de Kat para a família Schurmann, escrito pela mãe Heloísa, e, posteriormente o filme homônimo, lançado no fim do ano passado.

Luiz Fernando Furlan
Nascido em Concórdia, no Oeste catarinense, Luiz Fernando Furlan foi ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior de 2003 a 2007. Engenheiro químico e administrador de empresas, também atuou como presidente do conselho de administração da Sadia e foi copresidente do conselho da BRF – do qual ainda é membro. Também participa dos conselhos administrativos da Telefônica Espanha e da Telefônica Brasil e consultivo de instituições como a Federação Brasileira de Bancos, Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial e Instituto Ayrton Senna.

Tiago Splitter
Nascido em Joinville, Tiago Splitter foi o primeiro jogador de basquete brasileiro a ser campeão da NBA, a liga norte-americana e mais importante do mundo no esporte. O pivô iniciou a carreira na Sociedade Recreativa Esportiva (SRE) Ipiranga, em Blumenau, e, ainda adolescente, foi convocado para a Seleção Brasileira de basquete, conquistando medalha de ouro no Pan-Americano de 2003. Aos 15 anos, foi jogar fora do Brasil, em clubes da Espanha, onde atuou por quase 10 anos e foi eleito o melhor jogador da temporada em 2008. Desde 2010, joga nos EUA.

Leia também:
Confira o perfil dos vencedores do Troféu Viver SC de 2017

Veja as últimas notícias do Viver SC

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAvaí Floripa Futsal enfrenta a Chapecoense pelo Estadual em desafio no Oeste https://t.co/8yg5jDroYnhá 33 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioCatarinense fica ferido após atentado terrorista em Barcelona https://t.co/v5ZhqyKJS5há 43 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros