Chuva em SC: confira o número de pessoas atingidas, escolas sem aula, situação dos rios e barragens - Cidades - O Sol Diário

Monitoramento07/06/2017 | 10h00Atualizada em 07/06/2017 | 10h10

Chuva em SC: confira o número de pessoas atingidas, escolas sem aula, situação dos rios e barragens

As cidades com situação mais crítica até o momento são Rio do Sul e Lages. 90 municípios foram atingidos pelas cheias e alagamentos

Chuva em SC: confira o número de pessoas atingidas, escolas sem aula, situação dos rios e barragens Patrick Rodrigues/Agência RBS
Foto: Patrick Rodrigues / Agência RBS
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Pelo menos 28,8 mil catarinenses foram afetados pela chuva. O Estado contabiliza 90 municípios atingidos, com 8,7 mil residências impactadas. No total, são 21.395 desalojados em casas de parentes e amigos e 2.367 em abrigos. 

As regiões mais atingidas são o Alto Vale do Itajaí, Planalto Sul e Oeste catarinense. Lages e Rio do Sul são as cidades mais afetadas pelas enchentes, com 406 e 1027 desabrigados, respectivamente. Nos últimos três dias, foram registrados 43 deslizamentos. Além disso, pelo menos 89 mil alunos da rede pública estadual não terão aulas na quarta-feira e sem previsão de retorno. 

Desde o último domingo, 43 deslizamentos de terra foram contabilizados pela Defesa Civil em Santa Catarina. Essa é a ocorrência mais registrada pelo órgão estadual, só ficando atrás de inundação (2), chuva intensa (15), enxurrada (11), alagamento (10), e vendaval (1). Apenas no Vale do Itajaí, por exemplo, houve aproximadamente 150 pontos de deslizamentos e vários outros em rodovias da região.

Saiba identificar e o que fazer em caso de deslizamento de terra

Escolas

Alunos também são impactados pela chuva. Cerca de 186 escolas não abrirão as portas nesta quarta-feira e mais de 89 mil alunos não terão aulas e sem previsão de retorno. 

A Secretaria de Educação de SC pede que os pais façam contato com as escolas para mais informações sobre o andamento das aulas. As escolas que tiveram suas aulas canceladas farão a reposição, em novo calendário a ser definido pela Gerência Regional de Educação e as escolas. 

Volume de chuva e nível dos rios

Desde o meio da tarde de terça-feira, os principais rios de Santa Catarina registraram redução dos níveis, segundo a Epagri/Ciram. Mas nas estações Encruzilhada II, em Otacílio Costa e Rio Bonito, em Bocaina do Sul, o nível de água estava subindo na manhã desta quarta-feira. Nos dois pontos, a condição ainda é considerada situação de emergência para enchente.

A chuva também deu uma trégua à tarde. Em Lages, que registra a maior cheia desde 2011, choveu apenas três milímetros nas últimas 24 horas. Os maiores volumes desde a manhã de terça-feira foram no Norte do Estado, em Rio Negrinho (24 mm),  Mafra (22 mm), São João do Itaperiú (22 mm), Itaiópolis (21 mm). Somando o acumulado de chuva desde sábado, a Serra catarinense foi a região mais impactada até o momento.

Barragens

Segundo a Defesa Civil, as barragens do Alto Vale estão desempenhando papel fundamental na prevenção de enchentes. Às 9h desta quarta-feira, a barragem Vale Sul, de Ituporanga, está totalmente cheia, vertendo cerca de 1,17 metro de água. A barragem Vale Oeste, de Taió, tem 79% do reservatório ocupado e opera com três comportas abertas. Em José Boiteux, a barragem voltou a operar na noite de segunda-feira, após três anos depois de negociações entre o governo do Estado e indígenas, e está com 13% do reservatório ocupado. 

Leia também:

Confira a cobertura das chuvas em Santa Catarina

Veja quais são as rodovias bloqueadas por conta da chuva em Santa Catarina

Saiba como agir em caso de enchentes e alagamentos

Como evitar doenças em enchentes e alagamentos

Saiba identificar e o que fazer em caso de deslizamento de terra

Rio Itajaí-Açu chega a 7,06m em Blumenau e 10,01m em Rio do Sul

Rio Itajaí-Mirim normaliza e serviços são retomados em Brusque

Cidades mais afetadas pela chuva, Lages e Rio do Sul começam a arrecadar donativos

SC soma 42 ocorrências de deslizamento de terra; Vale, Oeste e Serra são as regiões com maior risco

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioCarga de concreto despenca do maior prédio do país em Balneário Camboriú https://t.co/V1SdKKXAlLhá 1 horaRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTrump "declarou guerra ao nosso país", diz chanceler da Coreia do Norte https://t.co/Ig5FTqB4g0há 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros