Manifestações em Navegantes terminam com feridos e dois presos - Cidades - O Sol Diário

Contra reformas30/06/2017 | 11h05Atualizada em 30/06/2017 | 11h25

Manifestações em Navegantes terminam com feridos e dois presos

Polícia dispersou o protesto usando bombas sonoras e balas de borracha

Manifestações em Navegantes terminam com feridos e dois presos Divulgação/Divulgação
Manifestante ligado ao MST foi detido pela Polícia MIlitar durante o bloqueio na BR-101 Foto: Divulgação / Divulgação

O bloqueio da BR-101 entre Itajaí e Navegantes na manhã de sexta-feira terminou com pelo menos dois presos e pessoas feridas (em um número ainda não confirmado nem pelos manifestantes, nem pela polícia). O trânsito foi fechado no início da manhã e liberado por volta das 11h no local. Cerca de 300 pessoas participaram da manifestação, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF). 

 A ação faz parte das manifestações da greve geral, convocada por movimentos sociais e centrais sindicais em todo o país, contra o governo Michel Temer. Imagens compartilhadas em redes sociais mostram o momento em que a Polícia Militar lança bombas de efeito sonoro e balas de borracha contra os participantes do protesto, tanto na BR-101 quanto na BR-470. As duas pessoas presas são apontadas como líderes do movimento. Em Florianópolis também houve confronto entre manifestantes e PM.

Os manifestantes afirmam que houve truculência da PM. Segundo o comandante da Polícia Militar em Navegantes, tenente-coronel Eugênio Hug Junior, os policiais agiram porque os participantes do protesto teriam atirado pedras contra veículos e derrubado uma senhora que passava em uma motocicleta. A afirmação, no entanto, é contestada por participantes do protesto.

— Eles chegaram assim que colocaram os pneus na rodovia, já atirando. Não houve nenhum incidente com mulher de moto, nada disso. Ninguém passava — afirmou um dos manifestantes, que não quis se identificar com medo de represálias.

A PM apreendeu pneus, combustível, e autuou o carro de som porque o motorista não estaria autorizado a conduzir esse tipo de veículo.

Liberada a BR-470, o grupo seguiu para a BR-101, onde a PM reagiu novamente. O comandante afirma que pedras estavam sendo arremessadas contra os carros ali também. A polícia, no entanto, não tem registro de veículos danificados durante o protesto.

Alguns manifestantes se feriram, mas ainda não há confirmação de quantos foram. Segundo a PM, foram ferimentos leves e não houve necessidade de atendimento com ambulâncias.

Os dois presos foram levados à delegacia de Navegantes e responderão a um termo circustanciado, ou seja, serão ouvidos e depois liberados.

Autorização

O inspetor da PRF em Itajaí, Marvio Figueiredo, disse que todas as forças de segurança estavam avisadas de que poderia haver protestos e estavam prontas para atuar — por isso a PM agiu em área que é de jurisdição federal. Segundo ele a manifestação era irregular porque não tinha autorização.

Questionado se essa autorização seria concedida, caso pleiteada, ele afirmou que ¿dependeria, o caso seria analisado por todos os órgãos¿.

Leia mais
Transporte coletivo em Florianópolis para em dois turnos
Manifestantes bloqueiam a BR-101 em Itajaí contra a reforma trabalhista

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioHercílio Luz fica mais próximo do acesso e briga esquenta na outra semi https://t.co/oChe7OqIRrhá 6 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioConcórdia e Hercílio Luz ficam mais próximos do acesso à elite de SC https://t.co/KgVBHKWZmKhá 7 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros