De palestras a observação do céu: veja a programação do Simpósio Catarinense de Astronomia - Cidades - O Sol Diário

Não é sobre signos21/07/2017 | 11h07Atualizada em 21/07/2017 | 11h07

De palestras a observação do céu: veja a programação do Simpósio Catarinense de Astronomia

Sexta edição do evento acontece nos dias 28 e 29 de julho, na UFSC, em Florianópolis

De palestras a observação do céu: veja a programação do Simpósio Catarinense de Astronomia Cristiano Estrela/Agencia RBS
Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Não precisa ser acadêmico, nem integrar algum clube de astronomia. Se você se interessa pelo céu, já é o suficiente para inscrever-se no VI Simpósio Catarinense de Astronomia. O evento acontece no campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em Florianópolis nos dias 28 e 29 de julho, sexta-feira e sábado da semana que vem. A programação pensada pelos estudiosos da universidade — concentrados no Planetário e no Grupo de Estudos de Astronomia — contempla desde palestras até sessão de observação das constelações. 

Na sexta-feira, 28, estão previstas seis apresentações, duas palestras e a contemplação do céu (às 18h30min) guiada por um monitor. A programação é das 8h às 18h30min. Já no sábado, 29, são nove apresentações, das 9h às 16h30min. 

As 120 vagas previstas nas inscrições para ouvintes já foram preenchidas, bem como a submissão de trabalhos. Mas se você não se importar em não ganhar um certificado pela participação no simpósio, pode ir até o auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da UFSC nos dias de evento para tentar assistir ao conteúdo apresentado. 

Abaixo, veja as temáticas centrais das apresentações previstas:

— Ecologia de galáxias;
— Por que conhecer o astrônomo Brazilício?;
— O Ensino de Astronomia a partir da Astronáutica;
— Associação Paraibana de Astronomia e Núcleo de Pesquisa e Ensino em Astronomia do Instituto Federal da Paraíba;
— Experiências de Divulgação da Astronomia;
— Circulação e Textualização de Conhecimentos, Saberes e Sentidos da Astronomia na Literatura Infantil;
— Experiências Observacionais;
— Limite de Roche e Esfera de Hill;
— A ludicidade na Astronomia: Conhecendo o Universo a partir de Histórias e Brincadeiras;
— A elaboração e realização do minicurso "Da Fotografia à Astronomia" do Clube de Astronomia de Araranguá;
— Apresentação das constelações tupi-guarani para os alunos do ensino fundamental II no Planetário da UFSC;
— Astronomia na escola: uma aula baseada na Teoria da Aprendizagem Significativa;
— Materiais didáticos alternativos ao ensino de Astronomia: maquete bidimensional de quatro constelações;
— Telescópios e a arte de construir;
— Uma experiência na educação básica;
— A utilização de metodologias construtivistas para o ensino de Astronomia visando incentivar a participação na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA);
— Relato de experiência sobre a preparação de alunos e aplicação da prova da Olimpíada Brasileira de Astronomia;
— Observações do Eclipse Solar de 26/02/2017.

Leia também:

Projeto independente leva ensino de astronomia a escolas públicas e particulares da Grande Florianópolis

Confira biografia animada de José Brazilício de Souza, autor da música do Hino de Santa Catarina

Professora catarinense vai ministrar palestra para engenheiros da Nasa

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTitulares no início do Brasileirão, Judson e Luan voltam a formar dupla no meio do Avaí https://t.co/6dWrS68QLNhá 41 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioGinasta blumenauense vai se dedicar ao circo https://t.co/M4FqxM7GAJhá 41 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros