Governo inaugura revitalização do terminal rodoviário Rita Maria, em Florianópolis - Cidades - O Sol Diário

4 anos em obras05/07/2017 | 10h00Atualizada em 05/07/2017 | 17h09

Governo inaugura revitalização do terminal rodoviário Rita Maria, em Florianópolis

Reforma custou R$ 12,9 milhões e foi dividida em três etapas

Governo inaugura revitalização do terminal rodoviário Rita Maria, em Florianópolis /
Reforma custou R$ 12,9 milhões e foi dividida em três etapas. Foto: Caroline Borges - Agência RBS

As últimas obras de revitalização da rodoviária Rita Maria, localizada no centro de Florianópolis, foram inauguradas nesta quarta-feira. O trabalho, que durou quatro anos e custou R$ 12,9 milhões aos cofres do Estado, foi dividido em três etapas. A primeira fase tratou da renovação do telhado, a segunda teve troca do piso e a terceira renovou a pintura e o asfaltamento do entorno do terminal. 

Segundo o secretário estadual de infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, ao longo do processo de reforma foram sendo descobertos novos problemas, o que atrasou a entrega.

—  Quando uma obra não tem uma manutenção pertinente, no momento que você licita começa a ver alguns aspectos que não estavam previstos  — afirmou, citando a estrutura do telhado. 

O espaço recebeu melhorias no telhado, pintura nova, substituição do piso e recapeamento asfáltico nas pistas. As salas foram deslocadas para o andar superior, onde futuramente será instalado o Procon estadual. Os boxes de vidro das salas foram removidos e o piso emborrachado foi substituído por piso cerâmico nos dois andares.

Teto próximo a um dos banheiros femininos está com a fiação elétrica  exposta Foto: Caroline Borges / Agência RBS

Apesar da reforma, alguns usuários se queixaram de infiltrações em alguns pilares e problemas estruturais ao longo dos corredores. Segundo a comerciante Letícia Vieira, que voltava para Porto Alegre nesta manhã, mesmo com as obras já finalizadas, algumas luzes não estavam acendendo. Já em outros locais, não havia estrutura para instalação de lâmpadas. 

— Tem uns fios soltos perto do banheiro. Alguém pode esticar o braço e se machucar sem perceber. Eu também achei que alguns pontos da rodoviária estão com pouca iluminação. Imagina como deve ficar isso aqui à noite — disse. 

Presente no evento, o governador Raimundo Colombo disse que ficou sabendo das reclamações assim que chegou ao local e já solicitou que os reparos sejam feitos. 

— A gente vai providenciar. Não posso receber uma obra que tenha goteira — disse Colombo. 

Outra melhoria feita na última etapa de obras foi a reforma do anexo onde funcionam os postos das polícias Civil e Militar. Por dia, cerca de 7,3 mil pessoas passam pelo terminal rodoviário. São 137 linhas que saem, chegam ou estão em trânsito e atualmente 35 empresas operaram no local.

Leia mais notícias do DC

Rafael Martini: Deter diz que investiu R$ 12 milhões no Terminal Rita Maria


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSC ainda não tem previsão de data para lançar concurso de agentes prisionais, diz secretário-adjunto https://t.co/RqtMsmVajGhá 8 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol Diário"O MP está articulando uma atuação mais pró-ativa" para diminuir a impunidade em SC, diz promotor https://t.co/NcbvkCfa2Zhá 37 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros