Dia Internacional da Animação: programação em Florianópolis tem sessões de filmes, cursos e palestras - Diversão & Estilo - O Sol Diário

Agende-se26/10/2016 | 06h02Atualizada em 27/10/2016 | 16h27

Dia Internacional da Animação: programação em Florianópolis tem sessões de filmes, cursos e palestras

Polo de tecnologia e design gráfico, Santa Catarina comemora a data com eventos durante toda a semana

Dia Internacional da Animação: programação em Florianópolis tem sessões de filmes, cursos e palestras Adama/Reprodução
Animação francesa "Adama" será exibida na sexta na Fundação Cultural Badesc. Filme conta história de um menino africano Foto: Adama / Reprodução

Desde a primeira projeção pública de imagens animadas do mundo, em 28 de outubro de 1892 em Paris, até hoje, muita água rolou e a tecnologia deu ainda mais asas para a imaginação de mentes criativas. Sendo um polo de TI e design, Santa Catarina desponta na cena brasileira como um estado de referência em cinema animado. Por isso o Dia Internacional da Animação, celebrado nesta sexta, será comemorado em várias cidades e a programação inclui palestras, oficinas e exibição de filmes durante toda a semana. 

— Santa Catarina tem perfil voltado à indústria criativa, da qual a animação é parte. Não só animação para entretenimento e cinema, mas para jogos e os chamados serious games, voltados para treinamentos e educação — afirma Wiliam Machado de Andrade, 38 anos, coordenador do recém-aberto curso de bacharelado em animação da UFSC.

Minhocas (2013), primeiro longa-metragem em stop motion do Brasil, reforça esse perfil. O filme dirigido por Paolo Conti e Arthur Nunes foi produzido em Santa Catarina e abriu portas para outros estúdios e projetos. Vale lembrar que animação é um universo abrangente, que além do stop motion (bonecos fotografados quadro a quadro) engloba as vertentes 2D e o infinito universo 3D. 

— A criação do universo tridimensional e de efeitos especiais está presente em filmes que agora deixam de usar dublês. A gente exporta profissionais, que por serem qualificados têm custo alto e por isso ainda são pouco presentes no cinema nacional, mas tem potencial grande para crescer — diz Andrade. 

Para Sérgio Tastaldi, conhecido como criador do teatro do Papum e hoje coordenador da Lápis Lab, escola especializada em desenho, desenho de animação e stop motion, o principal mercado hoje é o de games: 

— Temos no Estado cursos importantes, entre eles a graduação na UFSC, o curso técnico do Senai e a Lápis Lab, que ensina animação para crianças a partir de nove anos. O mercado é muito amplo e vale lembrar que a indústria de games já supera o cinema em milhões — avalia. 

Estúdios catarinenses para conhecer

No Brasil é comum as pessoas conhecerem o produto final e não as produtoras. Confira alguns estúdios catarinenses que são destaque no país:

Belli Studio
Produtora de Blumenau especializada em animação 2D digital. Já produziu para o Discovery Kids e projetos como o Peixonauta e Amigãozão.

Foto: Belli Studio / Reprodução

Animaking
Estúdio de Florianópolis responsável pela criação do longa Minhocas.

Foto: Divulgação / Ver Descrição

52 Animation Studio
Também de Florianópolis, é o estúdio de onde saiu a animação Papaya Bull e produções educativas animadas.

Foto: 52 Animation Studio / Reprodução

Cafundó
Produtora de Blumenau responsável pela animação A Bruxinha Catarina e outros.

Foto: Cafundó Estúdio Criativo / Reprodução

Programação - Animação para ver e aprender

Santa Catarina terá eventos em homenagem ao Dia da Animação nas cidades de Bombinhas, Caçador, Florianópolis, Joinville, Lages, Palhoça, Presidente Castello Branco, Quilombo e Xanxerê — essas promovidas pela Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA).

Na Capital, a Escola de Arte Lápis Lab promove uma semana dedicada ao tema, com palestras, oficinas e exibição de filmes. Tudo gratuito. Já a Fundação Cultural Badesc, em parceria com a Aliança Francesa, exibe produções animadas de graça nesta quarta e na sexta.

|| Quarta, 26/10

19h -
Festival de Cinema de Animação na Fundação Cultural Badesc, com exibição de sete curtas-metragens selecionados pelo Festival Internacional de Annecy e que mostram a diversidade da animação francesa. (Rua Visconde de Ouro Preto, 216, Centro, Florianópolis. Informações: (48) 3224-8846).

20h - Palestra O Som e o Movimento, com o produtor de áudio Murilo Valente sobre a importância e a arquitetura do som na construção de narrativas no cinema de animação. A atriz Karina Barum fala interpretação de personagens de desenhos animados. Na Lápis Lab (Rua Presidente Coutinho, 147, Centro, Florianópolis. Informações: (48) 3222-3576).

|| Quinta, 27/10

20h - Palestra com o miniaturista Roger Terlizzi, criador de cenários e maquetes, e JosephSpecker, idealizador do curta-metragem Almofada de Penas, sobre a arte do stop-motion. Na Lápis Lab.

|| Sexta, 28/10

19h - Festival de Cinema de Animação na FCBadesc, com a animação francesa Adama, de Simon Rouby, sobre garoto de aldeia remota da África sai em busca de seu irmão que desapareceu.

19h45min - Abertura da programação da 4ª Semana da Animação Senai (segue até 7/11) e sessão promovida pela ABCA. A noite terá exibição de filmes selecionados para a Mostra Nacional, Infantil e Internacional. No Senai (Rod. SC-401, 3.730, Saco Grande, Florianópolis. Informações: (48) 3239-5800). Programação completa da Semana de Animação do Senai neste link.


 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros