Escritório com jeito de casa - Diversão & Estilo - O Sol Diário

Ambiente Profissional25/10/2016 | 07h00Atualizada em 25/10/2016 | 16h46

Escritório com jeito de casa

Projeto desta empresa tem sala de reuniões com aparência de sala de estar e peças da família na ambientação


A mudança para um escritório comercial, depois de anos atuando em home office, adicionou à decoração desta empresa um toque de casa de família.

Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação

Projeto da arquiteta Melina Knopp, os 37 metros quadrados – somando ainda uma área externa – são aconchegantes como uma sala. O piso de laminado com reprodução de veios de madeira e o toque do cimento no painel da televisão são as texturas em meio a cores sólidas, como o preto e o vermelho.

E.V.A, espuma e adesivos são destaques em projeto de clínica de fisioterapia para crianças
Restaurante com estrutura de contêineres inspirado na arquitetura europeia

A transformação não poderia ter custos elevados por dois motivos: a empresa estava em fase inicial de crescimento e a sala é alugada. Entre as poucas soluções que não podem ser transferidas para uma futura sede, está apenas a pintura nas paredes, com tinta esmalte acetinada. Até as persianas metálicas, escolhidas após um estudo sobre a incidência solar nos janelões, poderão ser adaptadas.

Para a iluminação, nada de gastos com forro de gesso.

– Fizemos rasgos na laje e reposicionamos os pontos de luz nas estações de trabalho – explica Melina.

Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação

Acervo materno
Após uma reforma na casa da mãe, o dono da empresa resgatou itens como o sofá e o tapete oriental. A marcenaria mescla melamina preta, amadeirada e tom de cimento

Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação

Reciclagem afetiva
Ao fundo na foto acima, as poltronas antigas ganharam novos tecidos geométricos. Abaixo, o frigobar e a louça faziam parte da casa do cliente.
O quadro de recados é contemporâneo: vidro pintado de preto

DICAS

Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação

Marcenaria com módulos: embora sob medida, os móveis desenhados pela arquiteta foram pensados em módulos que podem ser facilmente desinstalados e transportados para outro local.

Parede com adesivos: personalizou o lavabo sem a necessidade obras.

Piso flutuante: sem quebra-quebra, transformou o espaço ao ser instalado sobre o piso original. Como tem sistema de clic, pode ser retirado no futuro e algumas peças, reaproveitadas.

MAIS IMAGENS:

Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação
Foto: Marcelo Donadussi / Divulgação


 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros