Futuro dos confinados de "Supermax" será definido nesta terça-feira, na RBS TV - Diversão & Estilo - O Sol Diário

Fim do pesadelo na Amazônia13/12/2016 | 08h00Atualizada em 13/12/2016 | 08h00

Futuro dos confinados de "Supermax" será definido nesta terça-feira, na RBS TV

Último episódio da série vai ao ar a partir das 23h15min

Futuro dos confinados de "Supermax" será definido nesta terça-feira, na RBS TV Estevam Avellar/Globo/ Divulgação
Bruna (Mariana Ximenes), Sabrina (Cleo Pires) e Diana (Fabiana Gugli) encontrarão o temido Baal Foto: Estevam Avellar / Globo/ Divulgação

Chega de desencontros entre o maligno Baal e os confinados no presídio de segurança máxima na Amazônia. Nesta terça-feira, o grupo de sobreviventes da prisão Supermax ficará cara a cara com o líder demoníaco que tem tocado o terror no lugar. O episódio final da sombria série multigênero da Globo, mix de terror, suspense e drama, será exibido na RBS TV e na Globo Play a partir das 23h15min.

Bruna (Mariana Ximenes), Sabrina (Cleo Pires), Sergio (Erom Cordeiro), Artur (Rui Ricardo Diaz) e os demais integrantes do suposto reality — ou aqueles que conseguiram escapar da morte até agora — estão isolados em uma das celas. Do lado de fora, Baal e seu exército de mulheres armadas estão esperando a porta se abrir, o que vai ocorrer quando o dia clarear. Um final tranquilo para o grupo parece impossível, mas é bom lembrar que Nando (Nicolas Trevijano) e Janette (Maria Clara Spinelli) são os únicos que estão soltos pelo prédio e fora do campo de visão de Baal. Talvez aí resida a salvação dos sobreviventes.

Leia mais:
"Supermax": entenda por que a série dá certo na plataforma Globo Play
Apesar da estreia morna, "Supermax" merece uma chance dos amantes de séries

Outro encontro importante da noite desta terça-feira será entre os espectadores da transmissão linear da série, que foi exibida semanalmente na TV aberta, com quem preferiu assistir por binge watching via Globo Play. A emissora liberou os 11 primeiros episódios logo na estreia do seriado, o que possibilitou aos mais aficionados acompanhar no formato maratona há cerca de três meses.

Na história criada por José Alvarenga Jr., Marçal Aquino e Fernando Bonassi, um grupo de pessoas com problemas na Justiça foi selecionado para um reality show em uma prisão de segurança máxima na Amazônia. Mas, logo nos primeiros dias, os participantes param de sonhar com o prêmio de R$ 2 milhões para viver um pesadelo em Supermax: Pedro Bial, o apresentador, não aparece mais na TV, a produção não responde, a comida fica escassa e, para piorar, uma doença começa a se espalhar entre os participantes. A situação se torna ainda mais catastrófica quando o grupo descobre não estar sozinho. Eles são alvo de Baal, um ex-religioso que se revoltou contra Deus. O homem teve contato excessivo com radiação em uma caverna da mata, se curou da doença que assola os participantes do reality e encarnou um ser demoníaco que quer criar sua prole de profetas.

Quem quiser fazer um aquece para a grande final pode explorar o enredo do seriado em outras plataformas. A websérie Supermax — Por dentro e o game inspirado na trama (para smartphones Android e iOS) já estão disponíveis.

Leia outras notícias de entretenimento e cultura em ZH


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDelator diz que pagou para Dário Berger votar em Renan contra LHS para presidente do Senado https://t.co/wmO2oKMWbNhá 3 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAvaí aguarda lateral Maicon para exames médicos nesta terça-feira https://t.co/6u9obwyWLthá 4 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros