Comer dez porções de frutas e vegetais por dia reduz risco de morte - Diversão & Estilo - O Sol Diário

Pesquisa27/02/2017 | 17h17Atualizada em 27/02/2017 | 17h17

Comer dez porções de frutas e vegetais por dia reduz risco de morte

Quantidade é o dobro da recomendação atual

Comer dez porções de frutas e vegetais por dia reduz risco de morte Jean Pimentel/Agencia RBS
Foto: Jean Pimentel / Agencia RBS

Para entender a quantidade de frutas e vegetais necessária por dia para proteger o organismo de doenças e mortes prematuras, pesquisadores do Imperial College London revisaram 95 estudos com abrangência de até dois milhões de pessoas. Os resultados da meta-análise mostraram que a ingestão de 800 gramas desses alimentos diariamente poderia prevenir cerca de 7,8 milhões de mortes prematuras no mundo a cada ano.

Estimando que cada fruta ou vegetal pese 80 gramas, a proposta dos pesquisadores é que o consumo diário seja de 10 porções, o dobro da recomendação atual.

Leia mais:
Beterraba, uva, amêndoa: conheça e saiba como usar novas versões de farinha
Ervas e iogurte são boas opções de molhos para saladas. Veja receitas 

— Nossos resultados sugerem que, embora a ingestão de cinco porções de frutas e legumes seja bom, 10 por dia é ainda melhor — disse Dagfinn Aune, líder do estudo, ao site da instituição.

Além do aumento no consumo diário, a pesquisa descobriu que comer 200 gramas desses alimentos está associado a uma redução de 16% no risco de doenças cardíacas, de 18% no risco de acidente vascular cerebral (AVC) e de 13% de risco de doenças cardiovasculares. Quando o consumo sobe para 800 gramas, os índices foram ainda maiores. A análise mostrou uma redução de 24% no risco de doenças cardíacas, 33% de AVC, 28% de doenças cardiovasculares e 13% do risco total de câncer.

Os pesquisadores ainda listaram alguns alimentos capazes de prevenir determinadas doenças. Maçã, pera, frutas cítricas, folhosos como espinafre e chicória, crucíferos como brócolis e repolho, por exemplo, têm ação contra doenças cardíacas e cardiovasculares e AVC. Já o risco de câncer é reduzido ao consumir vegetais amarelos, verdes e crucíferos.

— Precisamos de mais pesquisas sobre os efeitos de tipos específicos de frutas e legumes e seus métodos de preparação. Também é necessário compreender a relação entre a ingestão de frutas e vegetais com causas de morte, além de câncer e doenças cardiovasculares. Mas, a partir deste trabalho, ficou claro que uma alta ingestão de frutas e legumes oferece enormes benefícios para a saúde e devemos tentar aumentar seu consumo na dieta — acrescentou o especialista.

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPresidente da Chapecoense reconhece erro, mas aponta falhas da Conmebol e pressão do Lanús https://t.co/y0iFAXZqjEhá 2 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioGoleiro aponta "receio" em falha no gol da derrota do Figueirense https://t.co/QlgS7V2p4rhá 2 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros