Saúde dos fios: como amenizar os estragos do verão e preparar os cabelos para o frio  - Diversão & Estilo - O Sol Diário

Cuidados essenciais31/03/2017 | 09h46Atualizada em 31/03/2017 | 09h46

Saúde dos fios: como amenizar os estragos do verão e preparar os cabelos para o frio 

Especialista dá dicas para cuidar das madeixas na troca de estação

Saúde dos fios: como amenizar os estragos do verão e preparar os cabelos para o frio  Adriana Franciosi/Agencia RBS
Foto: Adriana Franciosi / Agencia RBS

Agentes externos como vento, radiação ultravioleta, umidade, mar e piscina são alguns dos culpados pelo efeito "palha" dos cabelos no fim do verão. Para zerar os danos e entrar na nova estação com os fios em dia é fundamental tratar a barreira de lipídios que os protege, garantido o aspecto sedoso e maleável das madeixas. Para ajudar na missão contra a aparência ressecada, a coordenadora do Departamento de Cabelos da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Bruna Duque Estrada, dá algumas dicas.

Hidratação e óleos
Segundo Bruna, é imprescindível refazer a barreira de lipídios que protegem os fios. Boas opções são óleos e silicones.

— Recomendo silicone, óleo de pracaxi e argan — sugere.

Um dos queridinhos das brasileiras, o óleo de coco, deve ser usado com cautela. Conforme a dermatologista, em 2016, ele foi eleito um dos principais alérgenos no mercado norte-americano. Pessoas com raiz oleosa devem usar os produtos somente nas pontas dos fios.

Máscaras capilares também podem ser usadas com mais frequência. No entanto, Bruna alerta para as ofertas ditas milagrosas que surgem no mercado:

— É preciso tomar cuidado com tratamentos superinovadores que não são nada além de hidratação e reconstrução.

Antirresíduos
Segundo a dermatologista, esse tipo de produto deve ser aplicado a cada seis lavagens. Fios loiros podem reduzir o espaço de tempo do uso, afinal, absorvem mais substâncias, inclusive algumas que os deixam esverdeados. Nessas situações, pode-se lançar mão dos xampus antirresíduos em dias intercalados, até que as madeixas voltem à cor original.

Tesoura, secador e banho quente
Outra dica crucial é não fugir da tesoura. Ela ajuda a limpar os fios danificados com o passar dos anos.

— Se pensarmos em um cabelo na altura do ombro, temos de lembrar que ele está ali entre cinco e 10 anos sofrendo danos que não são revertidos — diz Bruna.

Também é bom evitar chapinha, secador, tinturas e alisamentos durante a estação. A dermatologista destaca os cuidados com a temperatura da água durante o banho. Quando muito quente, pode provocar dermatite seborreica e aumentar a oleosidade.

Queda merece cuidado
Durante o outono, é comum haver maior queda de cabelo em relação à estação anterior, de acordo com Bruna. A perda de fios é sazonal e pode chegar a três meses de duração. Pessoas com mais cabelo podem estender esse prazo. Embora natural, é bom ficar de olho na cabeça: se houver alteração na base dos fios, é necessário buscar ajuda de um dermatologista especializado.

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioHabitués do Winter Play dão dicas de como curtir os três dias de festa  https://t.co/hQKSlYOUFhhá 4 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPRF apreende 850 quilos de maconha em caminhonete na BR-282, em Rancho Queimado https://t.co/sLyCv3wG94há 4 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros