Dr. Xuxo: Um desafio a mais - Economia - O Sol Diário

Perfil26/08/2016 | 21h15

Dr. Xuxo: Um desafio a mais

Reconhecido pela criação da Fundação Pró-Rim nos anos de 1980, José Aloísio Vieira quer fazer história na Prefeitura de Joinville

Dr. Xuxo: Um desafio a mais Maykon Lammerhirt/Agencia RBS
"Acho que, para sobreviver dentro da saúde, é preciso conhecer administração. Se você administra um hospital, administra qualquer coisa, porque as dificuldades são muito grandes." Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

José Aloísio Vieira, 75 anos, gosta de frisar, com bom humor, que nasceu no mesmíssimo dia que Pelé e Martin Luther King, ou seja, 24 de outubro de 1940. Não bastasse isso, o apelido pelo qual ficou conhecido veio de um emblemático líder britânico da Segunda Guerra Mundial.

Confira aqui o perfil dos outros candidatos

Afora os cruzamentos com fatos e figuras marcantes da história mundial, Dr. Xuxo marcou a sua própria trajetória em Joinville ao criar, nos anos de 1980, a Fundação Pró-Rim, centro de referência no tratamento de doentes renais no País.Agora, ele tenta enriquecê-la com outro feito para figurar na biografia da cidade: tornar-se prefeito.

Xuxo é uma corruptela do grande estadista Winston Churchill (1874-1965) – nome que havia sido considerado pela família –, com a qual o irmão mais velho anunciou pela vizinhança a chegada do bebê, nascido na casa da avó, na rua Alexandre Schlemm. O apelido ficou e acompanhou a vida do joinvilense, que tomou rumo decisivo quando, às vésperas do vestibular, a mãe, professora da rede pública, o aconselhou:

– Vai ser médico, porque médico ajuda as pessoas. Desde então eu me tornei um cuidador de pessoas, e agora quero ampliar essa vocação – diz.

Depois de formado, passou cinco anos nos Estados Unidos, se especializando em nefrologia (especialidade que trata dos rins). Ao final desse período, trouxe consigo uma máquina de hemodiálise, presenteada por um paciente rico. Foi o primeiro equipamento deste tipo em Joinville. Ela começou a operar em 1975, no Hospital São José, dando origem à UTI do local e a primeira unidade de hemodiálise do Estado.

Mas o “pulo do gato” da carreira profissional veio com a criação da Fundação Pró-Rim, em 1987, no bairro Boa Vista. Com 1,5 mil transplantes renais realizados até hoje, 156 mil hemodiálises anuais, 50 mil consultas gratuitas ao ano e unidades em Mafra, São Bento do Sul, Jaraguá, Balneário Camboriú e até no Tocantins, a entidade é referência nacional no setor.

Algo que deverá ser sublinhado se o sonho de construir um hospital se concretizar, aumentando dos atuais 2 mil metros quadrados de área construída para 9 mil metros quadrados.

– Acho que, para sobreviver dentro da saúde, é preciso conhecer administração. Se você administra um hospital, administra qualquer coisa, porque as dificuldades são muito grandes – analisa o candidato do PP, cujo incentivo para concorrer à Prefeitura de Joinville veio do irmão, o quatro vezes deputado federal e ex-vice-prefeito José Carlos Vieira.

Mesmo que seja eleito, o médico garante que levará adiante sua outra paixão: a música. Ex-aprendiz de piano, ele toca saxofone há 25 anos, com o qual exercita o gosto pelo jazz, adquirido durante uma temporada em Nova Orleans (EUA), considerada a capital americana do gênero. No papel de músico, Vieira já fez parte da banda Pedra no Rim e eventualmente toca no Mercado Municipal com o amigo Toquinho Guedes.

– Se eu for eleito, todos os dias, antes de iniciar os trabalhos, vou tocar uma música para quem passar em frente à Prefeitura – promete.

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Propaganda eleitoral 25/08/2016 | 22h

O que os candidatos a prefeito de Joinville vão mostrar no rádio e na TV

A partir desta sexta-feira, disputa pela Prefeitura será mais divulgada pelos meios de comunicação

Eleições 2016 04/08/2016 | 11h31

Saiba onde fica a Joinville que nem todos conhecem

Programas sociais destinados à população mais carente da periferia amenizam a situação de muitas famílias, mas não resolvem todos os problemas

Eleições 2016 28/07/2016 | 07h36

Saiba qual é o peso da saúde nas contas de Joinville

Melhorar o atendimento é promessa comum de candidatos, mas a solução não é tão simples assim

Eleições 2016 21/07/2016 | 11h39

Educação infantil é um dos principais desafios para gestão de Joinville

Na cidade, a falta de vagas em Ceis e a inclusão de destacam

Eleições 2016 14/07/2016 | 07h02

Ações preventivas e de educação são desafios para a segurança em Joinville

A segurança pública é dever do Estado e da União, mas cresce cobrança por maior contribuição do município

Eleições 2016 07/07/2016 | 07h01

Saiba como Joinville pode ser uma cidade com mais apelo turístico

Criação de espaços estruturados e aposta em uma marca que venda a cidade no plano turístico estão entre os desafios apontados por especialistas

Eleições 2016 30/06/2016 | 07h32

Espaços e projetos da área cultural contam com menos recursos do que o necessário em Joinville

Presidente da Fundação Cultural diz que o repasse feito pela Prefeitura tem sido inferior ao previsto no orçamento anual

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSC Que Dá Certo encerra primeira edição com resultados positivos e sucesso de público  https://t.co/tSPyZ2LX0Mhá 1 horaRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTRE confirma candidatura de Clésio Salvaro à prefeitura de Criciúma https://t.co/uiZfFAl9WFhá 1 horaRetweet
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros