Opinião: O que há de errado com a política? - Economia - O Sol Diário

Vote Consciente21/09/2016 | 16h21Atualizada em 21/09/2016 | 16h21

Opinião: O que há de errado com a política?

Opinião: O que há de errado com a política? free images/
Foto: free images

Às vésperas de mais uma eleição, e após passar pelo impedimento de um presidente da República e pela cassação do ex-presidente da Câmara dos Deputados, os brasileiros chegam às urnas um tanto ressabiados - diria até bastante abatidos. O desencanto com a política é geral. A situação é compreensível. Afinal, há tempos não passávamos por momento tão grave no País. 

Veja também:
Encontro em Joaçaba debate cenário político brasileiro
Campanha Vote Consciente viaja até o Oeste de SC
Qual a função do prefeito de uma cidade?
Jovens de Blumenau criam projetos para melhorar a vida da cidade

Mas o fato é que não há milagre em política. Os representantes do povo são pessoas iguais a nós. Jovens ou velhos, homens ou mulheres, professores, empresários, comerciantes, líderes comunitários, advogados, jornalistas. Enfim, a origem é diversa. Via de regra, se lá estão é porque receberam os votos que precisavam para se eleger. 

Este raciocínio traz à discussão o poder do voto, tema da oportuna e bem sucedida campanha Vote Consciente, parceria entre OAB/SC e Diário Catarinense. O voto é, sim, um momento ímpar na vida do cidadão. Na cabine indevassável, à prova de qualquer espécie de pressão, o eleitor tem a chance de mudar a realidade. 

Para votar de forma consciente, porém, é preciso dedicar parte do tempo a conhecer melhor os candidatos. O eleitor vai precisar buscar informações sobre eles e sobre os partidos políticos aos quais pertencem. Ainda que o tempo seja o bem mais precioso que temos, não há como pular esta etapa. 

Isso pode ser feito pelos meios de comunicação ou pelo horário eleitoral gratuito, que gostem ou não é um espaço democrático e muito importante para ajudar na decisão. Nesse momento histórico que se aproxima, mais que nunca é vital que cada um de nós assuma a responsabilidade pelo voto e pelo político que iremos eleger para Prefeito ou Vereador. 

Faltando poucos dias para as eleições municipais, vejo que as palavras do filósofo grego Platão fazem ainda mais sentido: ¿Não há nada de errado com aqueles que não gostam de política, simplesmente serão governados por aqueles que gostam¿. Simples assim. 

Texto: Tullo Cavallazzi Filho
Conselheiro Federal da OAB/SC

SOBRE A CAMPANHA

A campanha multimídia Vote Consciente é uma iniciativa liderada pelo Diário Catarinense e pela OAB Santa Catarina, com a adesão dos demais veículos da RBS no Estado, e que tem o objetivo de alertar o eleitor catarinense sobre o papel decisivo de cada um na decisão que sai das urnas.

Com a proximidade de mais uma eleição municipal, em 2 de outubro deste ano, a campanha bate forte na tecla da responsabilização do eleitor, convocando todos os cidadãos a refletirem sobre a maneira como encaram a política em suas cidades, no Estado e no país.

Participe usando #voteconsciente
Saiba mais em diariocatarinense.com.br/voteconsciente

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSC mantém liderança na produção de ostras, vieiras e mexilhões https://t.co/cG170FNLBKhá 3 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDeslizamentos deixam 33 pessoas desaparecidas na China https://t.co/j3kcwfi7wLhá 4 horas Retweet
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros