De volta à prefeitura de Itajaí, Volnei Morastoni (PMDB) diz que prioridade será o Porto - Economia - O Sol Diário

Eleições 201603/10/2016 | 22h05Atualizada em 04/10/2016 | 10h51

De volta à prefeitura de Itajaí, Volnei Morastoni (PMDB) diz que prioridade será o Porto

Prefeito eleito passou mal com a emoção da vitória apertada e chegou a passar algumas horas no hospital

De volta à prefeitura de Itajaí, Volnei Morastoni (PMDB) diz que prioridade será o Porto Mateus Cunha/Divulgação
Maratona de entrevistas marcou o primeiro dia de Volnei Morastoni após a eleição em Itajaí Foto: Mateus Cunha / Divulgação

A emoção de uma vitória apertada, conquistada voto a voto, pesou para Volnei Morastoni (PMDB). Depois de passar pela Avenida Beira-Rio, na festa dos apoiadores, oprefeito eleito de Itajaísentiu-se mal e passou as primeiras horas de segunda-feira internado no Hospital da Unimed, em Balneário Camboriú. Segundo ele, foi uma crise de cólica renal acompanhada de pressão alta – resultado do estresse do dia.

Volnei Morastoni é eleito prefeito de Itajaí

Pela manhã, liberado pelos médicos, ele descansou algumas horas e partiu para a primeira maratona de entrevistas. A crise não foi suficiente para frear o entusiasmo. Volnei faz planos, não quer muito tempo para descansar e, conforme prometeu em campanha, pretende apressar a mobilização para estancar a crise no Porto de Itajaí.

O prefeito eleito terá pela frente o desafio de montar uma convincente equipe de governo. E promete usar a experiência de governar a cidade pela segunda vez para minimizar os erros. Por enquanto, o clima é de comemoração. Segunda, a festa foi no Limoeiro.

Entrevista: "O porto é a prioridade total"

Já definiu o secretariado?
Durante a campanha, não avançamos nessa discussão. Nos concentramos no objetivo de ganhar a eleição. Quero critérios para compor uma equipe com qualificação, em que o técnico prevaleça sobre o político. Já fui prefeito e sei que não se pode ficar na pressão dos partidos. No porto queremos gestão técnica. Há vários nomes, alguns de carreira do porto, outros que podem vir a aparecer. Vou criar de volta o departamento comercial do porto. Acho um absurdo não ter mais. Vamos trabalhar a composição entre público, privado e trabalhadores: uma gestão tripartite.

O Porto é a prioridade para os próximos meses?
É a prioridade. Na transição vou fazer uma visita ao prefeito Jandir Bellini e compor uma comissão mista. Vamos pegar ponto a ponto, o Porto, a educação, a segurança, formando uma comissão em cada área, levantando os dados reais. Mas o porto é prioridade total.

Vai ser mais fácil administrar a cidade pela segunda vez, apesar das diferenças no orçamento?
São realidades diferentes, mas a experiência sempre conta. Quero que a experiência passada seja para não cometer erros, para reforçar atitudes importantes. Quero muito usar esses próximos três meses para assumir com as coisas bem alinhadas.

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros