Ibope mostra empate técnico entre Udo Döhler e Darci de Matos em Joinville - Economia - O Sol Diário

Eleições 201628/10/2016 | 19h18Atualizada em 28/10/2016 | 19h52

Ibope mostra empate técnico entre Udo Döhler e Darci de Matos em Joinville

Atual prefeito aparece com 44% das intenções de voto totais, contra 42% do deputado estadual

Ibope mostra empate técnico entre Udo Döhler e Darci de Matos em Joinville Divulgação/Divuçgação
Foto: Divulgação / Divuçgação

O prefeito Udo Döhler (PMDB) e o deputado estadual Darci de Matos (PSD) chegam à reta final do segundo turno em situação de empate técnico na disputa pela prefeitura de Joinville. A última pesquisa do instituto Ibope contratada pela RBS TV para avaliar o cenário na maior cidade do Estado mostra uma diferença numérica de dois pontos percentuais em favor do peemedebista, resultado dentro da margem de erro de quatro pontos para cima ou para baixo.

Udo Döhler tem 44% dos votos totais contra 42% de Darci de Matos. Ambos tiveram oscilações dentro da margem de erro em relação à pesquisa Ibope divulgada em 10 de outubro. O peemedebista perdeu três pontos em relação aos 47% que tinha à época, enquanto o adversário tinha 41%. Também houve estabilidade em relação aos eleitores que declaram voto ou nulo — eram 10% e agora são 9%. Houve maior oscilação em relação aos indecisos, também dentro de margem de erro. Eles passaram de 2% para 5%.

Em votos válidos, Udo Döhler teria 51% contra 49% de Darci de Matos. A vantagem do peemedebista era de 54% a 46% na pesquisa anterior, também dentro da margem de erro do instituto.

O instituto questionou os joinvilenses sobre as avaliações dos governos municipal, estadual e federal. O prefeito Udo Döhler (PMDB) apresenta aprovação ligeiramente superior à desaprovação — 47% a 43%. As avaliações positiva (ótimo e bom) também superam as negativas (ruim + péssimo) por 33% a 25%, enquanto 39% consideram a gestão do peemedebista regular.

Entre os joinvilenses, o governador Raimundo Colombo (PSD) apresenta 27% de ótimo e bom contra 26% de ruim e péssimo. Os que consideram o governo estadual regular chegam a 36%.

O presidente Michel Temer (PMDB) tem maior avaliação negativa do que positiva na cidade - 33% a 18%. Os que consideram o governo federal regular alcançam 35%.

Ficha técnica da pesquisa:

Contratante: RBS TV
Amostra: 602 eleitores
Período: 26 a 28 de outubro de 2016
Margem de erro: quatro pontos percentuais, para mais ou menos
Nível de confiança: 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.
Registro no TRE-SC: 04711/2016

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros