IPTU traz esperança de fôlego aos caixas das prefeituras do Vale do Itajaí - Economia - O Sol Diário

Impostos09/01/2017 | 07h01

IPTU traz esperança de fôlego aos caixas das prefeituras do Vale do Itajaí

Distribuição dos boletos do IPTU traz possibilidade de descontos para cota única e expectativa de dinheiro para as novas administrações

Em tempos de receitas escassas, as prefeituras olham com mais carinho para fontes de arrecadação capazes de dar fôlego aos cofres públicos. O IPTU, imposto predial e territorial que em muitas cidades começa a ser cobrado em janeiro, junto ao ISS (serviços) e ITBI (venda de imóveis) forma um tripé de principais tributos arrecadados e geridos pelo município – diferentemente do que ocorre com repasses estaduais ou federais. Por isso, são uma das esperanças das novas administrações que assumiram no dia 1º para ter um orçamento que permita cumprir ao menos parte dos projetos anunciados nos planos de governo.

O prefeito em exercício de Blumenau, Mário Hildebrandt (PSB), reconhece que em um ano com perspectiva de percalços para as contas públicas, os tributos do município ganham mais relevância.

— A aplicação de recursos de impostos como o IPTU é feita na perspectiva de manutenção das ações, dos serviços e do atendimento das demandas públicas, seja em educação, saúde. Ele entra no caixa do município e ajuda até em questões como folha de pagamento — pontua.

Se para a administração pública o IPTU representa perspectiva de mais receita, para o contribuinte, não tem jeito: ele é sempre mais um vilão junto às tradicionais contas de início de ano. Para fazer o imposto doer menos no bolso, a saída pode estar nos descontos, prática comum nos municípios. Para isso, porém, é necessário ter o dinheiro na mão – caso contrário, o parcelamento passa a ser a melhor opção.

Em Blumenau, por exemplo, ganha 8% de isenção quem pagar em cota única até 8 de fevereiro ou 5% quem quitar até março. Quem pagou em dia no ano passado ganha mais 2%. O Santa destaca abaixo as principais informações do IPTU em oito municípios da região. Confira:

IPTU no Vale
Ao menos quatro cidades da região começam a distribuir os carnês de IPTU já no mês de janeiro. Confira os reajustes, as expectativas de arrecadação e os descontos oferecidos:

 


Mais tarde

Em algumas prefeituras, a cobrança do IPTU deve ocorrer entre os meses de fevereiro e abril. Em função disso, algumas informações como reajuste ou mesmo expectativa de arrecadação ainda não foram divulgadas. Saiba mais:

JORNAL DE SANTA CATARINA - Blumenau

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioEm meio à crise, torneio de dominó reúne lideranças políticas em Brusque https://t.co/6z0za0iVLZhá 6 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioHomem mata a mulher dentro de casa em Itajaí https://t.co/K8nX3QfOTNhá 7 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros