Nova lei reduz para 5 dias o tempo para abrir micro e pequenas empresas em Santa Catarina - Economia - O Sol Diário

Economia17/01/2017 | 21h40Atualizada em 17/01/2017 | 21h52

Nova lei reduz para 5 dias o tempo para abrir micro e pequenas empresas em Santa Catarina

Programa Bem Mais Simples facilita o cadastro de empresas de baixo risco ambiental, que não dependem de alvarás

Já está em vigor em Santa Catarina o programa Bem Mais Simples, voltado para agilizar a abertura de microempresas. A lei foi sancionada pelo governador Raimundo Colombo em 13 de janeiro. Agora, os próprios empresários podem declarar o baixo risco ambiental das empresas, agilizando a liberação de alvarás.

— Cerca de 90% das empresas brasileiras são de baixo risco e estamos facilitando a vida de quem quer empreender — afirma o deputado federal Jorginho Mello, presidente da Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa na Câmara de Brasília.

O projeto é voltado para empresas que não dependem de licenças da Vigilância Sanitária, autarquias fiscalizadoras do meio ambiente e Corpo de Bombeiros. Os próprios empresários agora vão preencher o cadastro. A liberação chega em cinco dias — atualmente, o tempo médio para abrir uma empresa no Brasil é de 100 dias. A medida também será adotada para a renovação dos documentos. 

— Vamos facilitar a vida de quem quer empreender, criando mais emprego aos catarinenses e distribuindo renda — disse o parlamentar.

Hoje, Santa Catarina possui cerca de 350 mil micros e pequenas empresas.

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioItalianos são maioria entre vencedores das duplas em Open de beach tennis em Garopaba https://t.co/Dp4LKkJi6Phá 4 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioGoleiro Agenor aguarda desfecho de acordo entre Figueirense e Sport https://t.co/Mwpj3bfDejhá 7 horas Retweet
O Sol Diário
Busca