Centro de Inovação de Itajaí firmará parceria com universidades  - Economia - O Sol Diário

Tecnologia17/11/2017 | 09h41Atualizada em 17/11/2017 | 09h41

Centro de Inovação de Itajaí firmará parceria com universidades 

Reunião terá a presença do ministro Gilberto Kassab e do governador Raimundo Colombo

Centro de Inovação de Itajaí firmará parceria com universidades  Divulgação/InovAmfri
Foto: Divulgação / InovAmfri

 O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, participa na segunda-feira da reunião do Conselho Consultivo do projeto InovAmfri, junto com o governador Raimundo Colombo (PSD). O encontro vai debater a conclusão da primeira fase do projeto, que apontou soluções nas áreas de desenvolvimento econômico regional, mobilidade urbana e gestão pública para os próximos 25 anos para a região da foz do Itajaí-açu.

O projeto foi financiado pelo governo do Estado e pela Associação dos Municípios da Foz do Itajaí-açu (Amfri). Kassab foi convidado pelo presidente do conselho do InovAmfri, Paulo Bornhausen. Durante o evento, três convênios serão assinados. Um deles, entre a Secretaria de Estado de Planejamento e a Amfri, viabilizará a concessão do transporte coletivo regionalizado. O segundo, entre a empresa pública Itajaí Participações e Amfri, desenvolverá ações de gestão para o Centro de Inovação. As parcerias mais importantes serão firmadas com o Sebrae, a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (Acate), a Univali e a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), para ocupação do Centro de Inovação. A Univali desenvolverá no local uma Incubadora Tecnológica Empresarial. E a UFSC deverá implantar um hub, que fará o contato entre as pesquisas desenvolvidas na universidade e as empresas instaladas em Itajaí.

Outra novidade é a inserção do projeto Link Lab, da Acate, que serve como ponto de contato entre soluções idealizadas pelas startups e grandes empresas. São as primeiras ações efetivas para ocupação do Centro de Inovação, que deve ficar pronto em abril do ano que vem. O espaço representa o início da proposta do Distrito de Inovação de Itajaí, que foi planejado pela empresa Surbana Jurong, de Singapura — uma referência mundial no setor — para a área ao redor da obra do governo do Estado. Enquanto o Centro de Inovação vai concentrar startups, o distrito receberá empresas consolidadas, especializadas em tecnologia e inovação. A previsão é que o distrito comece a ser ocupado em 2019. Até 2014, a expectativa é de geração de mais de 25 mil empregos diretos na região. 

Leia outras publicações de Dagmara Spautz:

Dagmara Spautz: Penha tem dívida de R$ 51 milhões com o INSS

Aeroporto de Navegantes bate recorde de movimentação em outubro

Papai Noel gigante de Balneário Camboriú vai a leilão


Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioCatarinenses conhecem adversários na estreia da Copa do Brasil; Figueirense terá viagem mais longa https://t.co/I1lBJJZr7Ihá 5 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPorto Belo desiste de projeto de adutora na praia https://t.co/ljiSWTdCbvhá 6 horas Retweet
O Sol Diário
Busca