Comissão de Nevada confirma doping, e Jon Jones é suspenso de forma preventiva - Esporte - O Sol Diário
 
 

Bloqueadores de estrogênio18/07/2016 | 15h45Atualizada em 18/07/2016 | 16h15

Comissão de Nevada confirma doping, e Jon Jones é suspenso de forma preventiva

Campeão interino dos meio-pesados será julgado em breve

Comissão de Nevada confirma doping, e Jon Jones é suspenso de forma preventiva Steve Marcus/AFP
Jon Jones pode pegar até dois anos de suspensão Foto: Steve Marcus / AFP
ZH Esportes
ZH Esportes

O ex-campeão linear e atual campeão interino dos meio-pesados do UFC, Jon Jones, está preventivamente suspenso pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC, na sigla em inglês).

A comissão confirmou nesta segunda-feira que o exame realizada pela Usada (Agência Americana Antidoping) detectou a presença de dois bloqueadores de estrogênio (hidroxiclomifeno e metabólitos de Letrozole) no organismo do lutador — segundo especialistas, elas são utilizadas para combater efeitos colaterais de outras substâncias de melhora de performance.

Leia mais:

Caju Freitas: Amanda Nunes vai nocautear Ronda Rousey
Com montagem no Instagram, Jacaré provoca Bisping: "Pare de correr"
Dana White garante que St. Pierre jamais voltará a lutar no UFC

Por causa do teste, Jon Jones foi impedido de lutar no UFC 200, no dia 9 de julho. Ele será julgado, mas a suspensão já passa a valer a partir de agora. O campeão interino pode ser punido em até dois anos.

No UFC 200, Anderson Silva substituiu Jones e, em uma luta que não valeu o cinturão dos meio-pesados, foi derrotado pelo campeão linear Daniel Cormier por decisão unânime.

Leia outras notícias sobre o UFC

*LANCEPRESS

O Sol Diário
Busca