Rodrigo Faraco: saíde de Sérgio Corrêa não deve mudar muita coisa na arbitragem brasileira - Esporte - O Sol Diário

Tudo igual28/09/2016 | 00h26Atualizada em 28/09/2016 | 00h26

Rodrigo Faraco: saíde de Sérgio Corrêa não deve mudar muita coisa na arbitragem brasileira

Coronel Marinho assume o cargo dentro da CBF

Rodrigo Faraco: saíde de Sérgio Corrêa não deve mudar muita coisa na arbitragem brasileira Charles Guerra/Agencia RBS
Foto: Charles Guerra / Agencia RBS

A mudança anunciada no comando da arbitragem nacional, com a saída de Sérgio Corrêa e a entrada do Coronel Marinho, pouco significa. Na verdade, são dois homens de confiança de Marco Polo Del Nero, presidente da CBF. Vai significar se houver alguma ideia diferente a ser implantada, o que, sinceramente, não acredito.

Sergio Corrêa não resistiu às pressões, que aumentaram nas últimas semanas, com erros em escolhas e gritaria geral dos clubes. Acho que a temporada bate recorde de DVD¿s e reclamações. Enquanto os clubes não fizerem algo realmente, em vez de ficarem jogando pra torcida com entrevistas recheadas de bravatas, nada vai mudar na arbitragem brasileira.

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros