"Tem que fazer o dever de casa", afirma meia do Figueirense sobre partida com o Botafogo - Esporte - O Sol Diário

Matar ou morrer04/10/2016 | 18h33Atualizada em 04/10/2016 | 18h34

"Tem que fazer o dever de casa", afirma meia do Figueirense sobre partida com o Botafogo

Elvis reafirmou compromisso do grupo em salvar o time do Z-4

"Tem que fazer o dever de casa", afirma meia do Figueirense sobre partida com o Botafogo Luiz Henrique/F.F.C / Divulgação
Foto: Luiz Henrique / F.F.C / Divulgação

Titular nas duas últimas partidas do Figueirense, o meia Elvis espera manter a sequência também contra o Botafogo neste domingo, às 17h, pela 29ª rodada da Série A do Brasileiro. O Alvinegro está atualmente na zona de rebaixamento da competição, com 31 pontos, 10 a menos do que o adversário carioca. O jogador está confiante em uma boa partida no Orlando Scarpelli.

- Semana decisiva, como todas as outras. Importante para o professor passar o que temos que ajustar na semana. A gente tem que impor o jogo e buscar a vitória do começo ao fim, como foi contra o Santa Cruz. Trabalhar forte na semana para buscar o resultado no domingo - disse. 

O atleta, que chegou ao Figueirense no começo de agosto, após ser dispensado pelo Criciúma, onde fez um excelente Campeonato Catarinense, agradeceu às oportunidades que têm recebido do atual técnico, Marquinhos Santos, recém-chegado ao clube.

- Estou me adaptando melhor. Com o Marquinhos Santos estou tendo oportunidade de começar jogando. Antes foi um pouco demorado. Com o passar dos jogos, vou melhorar cada vez mais, fazer bons jogos e tentar tirar o Figueirense dessa situação - avaliou. 

Para passar pelo Fogão e engatar uma sequência para fugir do rebaixamento, Elvis acredita que primeiro, é preciso fazer o dever de casa.secar os demais?

- A gente tem cinco jogos em casa. Tem que somar cinco vitórias. Tem que fazer o dever de casa contra o Botafogo e depois fazer os demais jogos. Tenho certeza que o grupo está focado para salvar o Figueirense. Dentro de casa a gente é muito forte. Nosso time tem mostrado isso no campeonato. E com a torcida é muito forte. Acho que teve muita mudança de treinador. Até encaixar demora um pouco. Com o Marquinhos, a gente fez bons jogos, infelizmente perdeu agora. Mas o torcedor pode confiar que a gente vai salvar o Figueirense - completou. 

Leia mais sobre o Figueirense
Confira a tabela da Série A

Acesse também
Lutando contra o rebaixamento, Figueirense receberá "freguês" Botafogo no Scarpelli

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros