Confira como foi a emocionante volta da Chapecoense aos gramados na voz de Rafael Henzel - Esporte - O Sol Diário

Renascimento22/01/2017 | 15h28Atualizada em 22/01/2017 | 15h28

Confira como foi a emocionante volta da Chapecoense aos gramados na voz de Rafael Henzel

Jornalista que sobreviveu ao acidente aéreo narrou o primeiro jogo do clube na Arena Condá

Confira como foi a emocionante volta da Chapecoense aos gramados na voz de Rafael Henzel Luiz Barp/Especial
Foto: Luiz Barp / Especial
Luiz Barp - especial

Se a Chapecoense renasceu em uma bela partida na tarde de sábado, o jornalista Rafael Henzel iniciou uma nova vida narrando cada lance do jogo. Pela primeira vez, o único profissional de imprensa que sobreviveu ao acidente aéreo voltou à cabine de transmissão da rádio Oeste Capital, dentro da Arena Condá, e narrou com sua habitual emoção o empate por 2 a 2 com o Palmeiras.

Tão assediado quanto qualquer craque de futebol, Henzel virou notícia mais uma vez. Agora, o motivo não foram todas as informações sobre sua sobrevivência e posterior recuperação. A notícia dessa vez acompanhava o retorno de uma voz marcante e conhecida por todos os ouvintes de Chapecó e região durante os jogos do Verdão.

Antes de a partida começar, Henzel destacou que o seu coração falaria durante a partida. E falou. O narrador se emocionou por diversas vezes e citou o "nosso renascimento", se incluindo na volta do time. O uso do plural não veio ao acaso: não foi somente o clube que ressurgiu no gramado mostrando que pode honrar aos que se foram, foi também o Rafel Henzel narrador, torcedor e apaixonado por Chapecó.

- Eu sempre falei que esse seria o primeiro jogo da minha nova vida. Eu senti que é possível a gente renascer. Foi um jogo muito importante e emotivo - avaliou.

Durante os 90 minutos em que a Chapecoense recebeu aplausos e apoio do torcedor, Henzel também recebeu centenas de mensagens de carinho daqueles que o ouviam, distribuiu autógrafos e tirou fotos ao final da partida. Como apaixonado pela Chapecoense que é, o jornalista também não perdeu a oportunidade de avaliar o novo time dentro de campo.

- É um começo muito singelo, mas nós vamos melhorar. Eu fiquei muito feliz em poder narrar dois gols da Chapecoense – acrescentou.

Questionado sobre o futuro, Henzel espera continuar fazendo o que ama: trabalhando com jornalismo e contando todas as alegrias que espera que o Verdão possa dar ao torcedor e toda a cidade de Chapecó. O jornalista volta a narrar a primeira partida oficial da Chapecoense na próxima quinta-feira, às 20h, quando o clube enfrenta o Joinville pela Primeira Liga.

Leia mais:
Confira mais notícias sobre a Chapecoense
"Um empate bom para todos", comemoram atletas da Chape
A volta da Chape: Verdão empata com o Palmeiras por 2 a 2

O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros