Presidente do JEC garante que time não está inadimplente junto ao STJD - Esporte - O Sol Diário

Esporte03/01/2017 | 17h06Atualizada em 03/01/2017 | 19h49

Presidente do JEC garante que time não está inadimplente junto ao STJD

Tribunal definiu que clubes com multas em aberto ou sem comprovante de pagamento serão suspensos de competições da CBF

Presidente do JEC garante que time não está inadimplente junto ao STJD Salmo Duarte/Agencia RBS
JEC pagou dívida em junho de 2016, mas STJD afirma não ter recebido comprovante Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

Durante a coletiva de imprensa promovida na tarde desta terça-feira para apresentar o elenco da nova temporada, o presidente do Joinville Esporte Clube, Jony Stassun, garantiu que o time não tem dívidas junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

A dúvida surgiu porque, em dezembro, o presidente do STJD, Ronaldo Botelho Piacente, determinou o levantamento e a imediata comunicação aos clubes que deviam ou que não podiam comprovar o pagamentos de multas aplicadas em punições dadas pelo Tribunal em 2016, o que afetou cerca de 80 times.

Segundo nota do STJD, se não houver a quitação ou comprovação, as entidades podem ser suspensas nas competições organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e não poderão praticar nenhum ato junto a entidade, inclusive o registro de atletas.

Leia as últimas notícias de Joinville e região

Segundo Jony, a dívida cobrada pelo STJD é de R$ 1 mil, referente a uma multa aplicada durante a partida realizada entre JEC e Ceará pela Copa do Brasil em junho de 2016. Durante a coletiva, ele apresentou o comprovante de pagamento, realizado em 15 de junho.

De acordo com o JEC, o time pagou a multa e, após algum tempo, recebeu uma notificação de que a dívida não estava quitada. Diante disso, o clube consultou o departamento financeiro, que comprovou o pagamento. O Joinville então entrou em contato com o STJD e pediu para o órgão desse baixa na dívida.

O clube acreditava que a situação estava resolvida e foi surpreendido com a nova notificação. O departamento jurídico foi acionado e fez contato com o Tribunal para retirar o nome do JEC da lista de inadimplentes. O STJD informou que o clube precisa enviar novamente o comprovante para que seja realizada baixa na dívida. A situação deve ser regularizada nos próximos dias.

A NOTÍCIA

 
  •                                
  •  
     
  •  
     
  •  
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros