Marquinhos Santos não é mais o técnico do Figueirense - Esporte - O Sol Diário

Caiu16/02/2017 | 01h48Atualizada em 16/02/2017 | 01h59

Marquinhos Santos não é mais o técnico do Figueirense

Treinador não resisitiu à eliminação na Copa do Brasil

Marquinhos Santos não é mais o técnico do Figueirense Leo Munhoz/Agencia RBS
Foto: Leo Munhoz / Agencia RBS
DC Esportes

Acabou o ciclo de Marquinhos Santos no comando do Figueirense. O treinador foi demitido do clube na madrugada desta quinta-feira, após a derrota por 1 a 0 para o Rio Branco, e a consequente eliminação na primeira fase da Copa do Brasil, no Acre. Cinco meses depois de ser contratado, Marquinhos deixa o clube sem ter cumprido sua principal missão. Quando chegou ao Alvinegro, em setembro de 2016, o objetivo era fazer o time engatar uma sequência de resultados positivos para permanecer na Série A do Brasileiro. O que não ocorreu. O Figueirense foi rebaixado para a Segundona e o máximo de vitórias que o treinador conseguiu foi quatro — a última por 4 a 2 sobre o Criciúma, no Campeonato Catarinense.

Aliás, os números pesaram contra o técnico. Em 19 jogos, 4 vitórias, 4 empates e 11 derrotas. Apesar do baixíssimo aproveitamento e da queda, Marquinhos Santos ganhou um voto de confiança da diretoria alvinegra no final do ano passado e permaneceu na equipe em 2017.

- A gente vinha fazendo as avaliações de trabalho. Em razão desse resultado, das cobranças desses dias todos, conversamos agora (no vestiário), e o Marquinhos não faz mais parte do quadro do Figueirense. Ele e a comissão técnica deles estão desligados a partir de agora. Vamos definir como proceder para esse jogo contra a Chapecoense (no domingo). Ver como está o mercado. Temos até amanhã (quinta-feira) à tarde ou sexta-feira para ter a definição disso - confirmou o superintendente de Esportes do Figueirense, Léo Franco.

Desde o primeiro revés no Campeonato Estadual deste ano, o 2 a 1 de virada para o Brusque, dentro de casa, o treinador foi duramente criticado pela torcida, que pedia sua saída. Vaias no Orlando Scarpelli e muito descontentamento nas redes sociais também marcaram as primeira semanas do ano.

O profissional deixa o Alvinegro na 4ª posição da tabela de classificação do Estadual, com sete pontos. Agora, começam as especulações de quem será o substituto do treinador de 37 anos.

Para relembrar

Marquinhos foi o quinto treinador do Furacão contratado na temporada passada. O ano de 2016 começou com Hudson Coutinho, que depois de sete jogos voltou a ser auxiliar técnico do clube. Em seguida, foi a vez de Vinícius Eutrópio. Foi o que mais tempo ficou, com 30 jogos. Argel Fucks substituiu Eutrópio. Foram oito jogos e apenas uma vitória. Por isso, saiu equipe deixando ela para Tuca Guimarães, outro auxiliar técnico que foi efetivado. 

Leia também
Semana cheia de jogos e viagens é obstáculo para o Figueirense

Acesse a tabela da Copa do Brasil
Leia outras notícias do Figueirense

Foto: Arte DC / Arte DC


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioEquipes profissionais da MLB vencem primeiros jogos do Spring Training com facilidade https://t.co/BFww1e5ho2há 13 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTorcedor do Cruzeiro recebe caixa de desodorantes e brinca: "Foi a gota d'água" https://t.co/yoEhw4KSLNhá 13 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros