Metropolitano luta contra a degola no Estadual diante do Figueirense - Esporte - O Sol Diário

Vale muito23/04/2017 | 07h11Atualizada em 23/04/2017 | 07h11

Metropolitano luta contra a degola no Estadual diante do Figueirense

Equipes entram em campo às 16h deste domingo no Orlando Scarpelli

Metropolitano luta contra a degola no Estadual diante do Figueirense Arte DC / HSC/Agência RBS
Foto: Arte DC / HSC / Agência RBS

O hábito de estar entre os considerados grandes de Santa Catarina fez o Metropolitano estar muito próximo de ser chamado de sexta força do Estado - atrás apenas dos times que disputam as três primeiras divisões nacionais. No entanto, a campanha deste ano relegou o time de Blumenau a uma condição muito diferente. A luta que trava é contra a degola e tem tarefa complicada diante do Figueirense, no Orlando Scarpelli.

Dos três que lutam contra o rebaixamento, o Metrô é o único que joga como visitante e, ainda só permanece na primeira divisão se vencer o Figueirense no Orlando Scarpelli e os adversários não passarem do empate. Como só a vitória interesse, o treinador Mauro Ovelha intensificou os trabalhos de finalizações nos treinamentos.

Ainda que não tenha pelo que disputar no Campeonato Catarinense, o Figueirense dá muita importância ao jogo das 16h, em sua casa. O técnico Márcio Goiano quer finalizar o returno ao menos com a segunda vitória e cumprir a premissa básica do futebol: competir com o adversário.

- Vamos buscar vencer, precisamos porque as vitórias têm sido difíceis de acontecer. E tem a questão do respeito à competição e ao nosso torcedor. Temos de estar motivados, é o nosso trabalho. Todos têm de fazer o melhor e, ainda, respeitar as outras equipes, já que a partida tem uma situação que envolve outros times e decisões no campeonato - apontou o comandante do Furacão.

FICHA TÉCNICA 

FIGUEIRENSE
Thiago Rodrigues; Dudu, Henrique Trevisan, Bruno Alves e Marlon; Patrick, Hélder e Yago; Matheusinho, João Pedro e Índio. 

Técnico: Márcio Goiano.

METROPOLITANO
Vilar; William Duarte, Willian, Elton e Rodolfo; Carrasco, Valkenedy, Flávio e Paulo Victor; Trípodi e Sabiá. 

Técnico: Mauro Ovelha.

Arbitragem: Sandro Meira Ricci, auxiliado Carlos Berkenbrock e José Roberto Larroyd.
Local: Orlando Scarpelli, em Florianópolis.

Acesse as últimas do Figueirense
Acesse a tabela do Catarinense

O Sol Diário
Busca