Com gol de João no fim do segundo tempo, Metrô vence o PSTC na estreia da Série D  - Esporte - O Sol Diário

Futebol21/05/2017 | 18h30Atualizada em 21/05/2017 | 18h35

Com gol de João no fim do segundo tempo, Metrô vence o PSTC na estreia da Série D 

Atacante anotou o único gol da partida aos 43 minutos da etapa final 

Com gol de João no fim do segundo tempo, Metrô vence o PSTC na estreia da Série D  Lucas Correia/Agência RBS
Foto: Lucas Correia / Agência RBS

Há quem diga que quando você cria muito expectativa em cima de algo, a situação nem sempre se confirma. Já quando você menos espera, surpresas acontecem. Neste domingo, no Sesi, nem de longe o clima era de estreia na Série D. Diferente de anos anteriores, com estádio lotado, céu azul, dezenas de contratações e pressão pelo acesso, o Metropolitano veio a campo com o que tinha.

Jovens da base, remanescentes do Campeonato Catarinense e um treinador estreante no futebol profissional ilustravam o Verdão de Blumenau
. E foi justamente quando o jogo caminhava para um 0 a 0 na fria noite que encerrava o fim de semana que um garoto apareceu: João. Nome simples e objetivo. Tão objetivo quanto o domínio e o chute de perna direita do atacante, responsável pela vitória do Metropolitano sobre o PSTC-PR pelo placar mínimo na largada da Série D do Brasileiro. 

Desde o início a partida parecia que se desenhava para os donos da casa. Foram três as chances perdidas durante o primeiro tempo que poderiam ter mudado totalmente o panorama para o fim da confronto. Só que se de um lado o adversário parecia implorar para levar gols, por outro o Metrô esbarrava na inexperiência de seus jogadores.

Rodolfo e Maikinho, de frente para o goleiro paranaense, jogaram no lixo duas grandes chances. Júnior Fell, em uma cobrança de falta ainda martelou, mas o time de Cornélio Procópio (PR) tinha Rafael Copetti embaixo da trave. Seguro e responsável por uma importante defesa no primeiro tempo, o arqueiro paranaense queria ser o carrasco dos anfitriões. Mas não foi.

Foto: Lucas Correia / Agência RBS

Agora, verdade seja dita: se de um lado o PSTC tinha o xará do atacante do Santos, do outro o Metropolitano tinha uma outra muralha: Igor Koehler. Com 20 anos de idade, o jovem revelado pelo time blumenauense teve sua primeira chance como profissional e mostrou o porquê carregava nas costas a camisa 1. Com três defesas aos 14, 23 e 33 do segundo tempo, Igor foi responsável direto por evitar uma dolorida derrota na noite carrancuda de domingo. O técnico Isaque Pereira valorizou o desempenho dos garotos e o comportamento dos jovens atletas dentro de campo. 

Na próxima rodada, o Metropolitano viaja até a Grande Porto Alegre para enfrentar o São José-RS. O confronto irá ocorrer no Estádio Antônio Vieira Ramos, em Gravataí (RS), sábado às 16h. O time gaúcho perdeu domingo na estreia para o Ituano, fora de casa, por 2 a 1 e fará contra o Verdão de Blumenau a estreia em casa na Série D. 

METROPOLITANO 1
Igor Koehler; William Duarte, Júnior Fell, Maurício e Rodolfo; Willian Rodrigues, Beto (Gabriel), Paulo Victor e Neto (Henrique); Maikinho (Thiago Cristian) e João. Técnico: Isaque Pereira. 

PSTC-PR 0
Rafael Copetti; Caxambu, Max, Lucas Trindade e Jardiel; Duda, Lucão (Jô), Erick e Diego (Paulinho); Pimba (Giani) e Fernando. Técnico: Rogério Vital.

Amarelos: Júnior Fell, Maikinho (M), Erick, Lucas Trindade, Jardiel e Max (P). 
Gols: João (M), aos 43 do 2ºT. 
Arbitragem: João Ennio Sobral-RJ, auxiliado por Carlos Felipe Schmidt-SC e Eder Alexandre-SC. 
Local: Estádio do Sesi, em Blumenau

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDomingo será de sol entre nuvens e temperaturas elevadas em SC https://t.co/AWf6tc0emLhá 15 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioContra reservas do Atlético-MG, Chapecoense busca recuperação https://t.co/H4ZKMnztoqhá 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros