De olho no bi do Ironman, Igor Amorelli projeta: "Quero fazer a melhor prova da minha vida" - Esporte - O Sol Diário

Ironman Brasil27/05/2017 | 11h30Atualizada em 27/05/2017 | 11h30

De olho no bi do Ironman, Igor Amorelli projeta: "Quero fazer a melhor prova da minha vida"

Catarinense é um dos favoritos para subir ao pódio nesta edição do evento, que ocorre neste domingo, em Florianópolis

De olho no bi do Ironman, Igor Amorelli projeta: "Quero fazer a melhor prova da minha vida" Cristiano Estrela/Agencia RBS
Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

Único brasileiro a vencer o Ironman, em 2014, o catarinense Igor Amorelli está mais do que preparado para buscar o bicampeonato neste domingo, em Florianópolis. Na 17ª edição da maior e mais importante competição do Circuito Ironman no país, o atleta de 32 anos, que superou uma grave lesão no ano passado, afirma estar em sua melhor forma física e muito motivado para a desgastante prova que contempla 3,8 km de natação, 180 km de ciclismo e 42,195 km de corrida.

Na prova de 2016, Amorelli participou de apenas uma parte, pois ainda não estava totalmente recuperado da lesão que sofreu no dia 20 de março daquele ano, quando quebrou o antebraço durante um treinamento de ciclismo na BR-101, no Litoral Norte de Santa Catarina. Após a vitória em 2014, com a marca de 8h07min53s, no ano seguinte, o catarinense conquistou o quarto lugar, com uma grande marca: terminou a prova com um tempo inferior a 8 horas. E é o que ele busca repetir em 2017.

– A expectativa é muito boa. Consegui treinar bem e fazer quatro competições nesse ano e depois ficar cinco semanas focado nos treinamentos para o Ironman Brasil. Estou com um bom ritmo de provas e consegui focar no treino específico para o evento, o que é muito importante. Acho que estou na melhor forma física da vida e bem confiante – disse o triatleta.

Amorelli vem embalado de uma importante conquista, o Ironman 70.3 Palmas (meio Ironman), no mês de abril. Um título inédito para o catarinense.

– Nesse ano, venci um 70.3 pela primeira vez no Brasil. Estou em um fase boa. Cheguei saudável e descansado para a prova e espero fazer o melhor no dia. Quero fazer a melhor prova da minha vida e lutar pela vitória.

Apesar de ser um forte candidato a subir no lugar mais alto do pódio pela segunda vez, Amorelli destaca que tem adversários a altura na disputa. São 2,5 mil competidores inscritos, de 42 países, sendo que 75% são homens.

– A prova está muito forte, tem muitos caras bons, uns cinco ou seis atletas que podem chegar, além das surpresas que sempre acontecem em eventos como esse. Eu estou bem nas três modalidades, mas tenho como característica uma combinação forte de natação e ciclismo, mas estou me sentindo muito confortável na corrida também – explicou.

Próximas competições

A definição do restante da temporada de Igor Amorelli depende muito do resultado que o atleta terá neste domingo, em Florianópolis. O maior objetivo é somar os pontos necessários para conseguir a vaga para disputar o Mundial de Kona, no Havaí, no mês de outubro. O Ironman Brasil, por ser uma prova continental, distribui um alto número de pontos e, ao campeão, uma vaga direta para o mundial.

Os triatletas fazem parte de um ranking, que contempla pontuações entre setembro do ano anterior até agosto do ano seguinte. Caso não fique entre os primeiros no domingo, Amorelli irá disputar outras provas para chegar ao número de pontos necessários para Kona.

– Tudo depende do resultado aqui. Se eu conseguir ficar entre os três primeiros é bem capaz que garanta a vaga no Mundial de Kona e, caso isso aconteça, eu devo fazer só 70.3 até a data da prova (outubro). Caso a classificação não venha, eu teria que fazer mais um Ironman completo para buscar a vaga, mas tem tudo pra gente conseguir a vaga aqui, esse é o objetivo – completou.

Edição da prova: 17ª
Número de inscritos: 2.500 atletas de 42 países
Participantes: 75% homens e 25% mulheres

Programação
28 de maio - domingo

Local: Clube Doze de Agosto, em Jurerê Internacional
4h30min às 6h30min - acesso dos atletas à área de transição
6h45min - largada elite masculina
6h50min - largada elite feminina
7h05min às 7h27min - dos demais competidores

Locais com mudanças de trânsito no domingo*

Das 7h30min às 16h - Rodovia Pontal de Jurerê, no trecho entre o trevo de acesso a Jurerê Internacional e a Avenida das Lagostas.

Das 8h às 16h - Acesso ao Terminal de Integração do Centro, dos coletivos vindos do continente.

Das 8h às 17h - Saída do Terminal de Integração da Trindade, para os coletivos que seguem em direção ao Centro e Norte da Ilha.

Das 8h às 17h - Via Expressa Sul em toda a extensão, em ambos os sentidos.

Das 4h30min às 9h45min - Interdição temporária da Servidão José Cardoso de Oliveira, que dá acesso à Praia do Forte.

SC-401 - Uma das faixas de rolamento, de cada lado da rodovia, será utilizada para a competição de ciclismo.


Foto: Arte DC / Diário Catarinense
 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioDomingo será de sol entre nuvens e temperaturas elevadas em SC https://t.co/AWf6tc0emLhá 18 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioContra reservas do Atlético-MG, Chapecoense busca recuperação https://t.co/H4ZKMnztoqhá 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros