João Pedro e Nathan, lesionados, desfalcam a Chapecoense - Esporte - O Sol Diário

Baixas no elenco25/05/2017 | 17h36Atualizada em 25/05/2017 | 17h40

João Pedro e Nathan, lesionados, desfalcam a Chapecoense

Nathan teve entorse e pára por 20 dias, João Pedro terá que passar por cirurgia no joelho

João Pedro e Nathan, lesionados, desfalcam a Chapecoense Márcio Cunha/Especial
João Pedro teve uma lesão no joelho direito na partida contra o Zúlia, pela Libertadores Foto: Márcio Cunha / Especial

A Chapecoense terá dois desfalques para este início de Campeonato Brasileiro e também para o confronto de quinta-feira, contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. Nathan teve um entorse no tornozelo contra o Zúlia e terá que ficar fora do time por 20 dias. João Pedro deve parar por bem mais tempo, pois terá que passar por cirurgia, também por lesão no jogo contra o Zúlia.

- O João Pedro teve uma lesão no joelho direito, teve um fragmento de cartilagem que se soltou durante a partida, esse fragmento terá que ser removido através de um procedimento cirúrgico, uma artroscopia, que está sendo definida entre os departamentos médicos da Chapecoense e do Palmeiras - afirmou o médico Fabiano Winckler, do clube catarinense.

Depois da vitória de virada sobre o  Zúlia, pela Libertadores, na terça-feira, o time teve folga na quarta-feira e voltou a treinar nesta quinta-feira. O próximo confronto da Chapecoense é o clássico contra o Avaí, na segunda-feira, na Arena Condá.

Victor Ramos, que não estava inscrito na Libertadores, e Luiz Otávio, que estava suspenso, devem voltar a formar a zaga titular.

No lugar de João Pedro, que vinha atuando improvisado como meia, deve entrar Seijas, que já foi titular contra o Palmeiras. Com isso Apodi segue titular da lateral direita.

No entanto João Pedro vinha sendo um dos destaques da equipe. Tanto que foi premiado como o jogador mais versátil do Campeonato Catarinense, na quarta-feira.

Leia todas as notícias da Chapecoense

Acesse a tabela da Libertadores

De virada e nos acréscimos, Chapecoense vence o Zulia

Presidente da Chapecoense reconhece erro, mas aponta falhas da Conmebol e pressão do Lanús

O Sol Diário
Busca