Prefeito de Florianópolis quer trazer arena olímpica do Rio de Janeiro - Esporte - O Sol Diário

Esporte16/05/2017 | 15h45Atualizada em 16/05/2017 | 15h55

Prefeito de Florianópolis quer trazer arena olímpica do Rio de Janeiro

Intermediado pelo ministro do Esporte, Gean Loureiro (PMDB) negocia com Marcelo Crivella (PRB) que a estrutura olímpica seja montada em SC

Prefeito de Florianópolis quer trazer arena olímpica do Rio de Janeiro Gabriel Heusi/Brasil2016,Divulgação
Estrutura foi construída de forma modular, podendo ser desmontada e montada em outro lugar Foto: Gabriel Heusi / Brasil2016,Divulgação

Em entrevista coletiva relacionada ao tênis na tarde desta terça-feira, o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (PMDB), aproveitou a presença do ministro do Esporte, Leonardo Picciani, para anunciar a intenção de trazer para a cidade a Arena do Futuro. A estrutura foi construída para sediar as competições de handebol e goalball na Olimpíada e Paraolimpíada do Rio de Janeiro em 2016. Segundo Gean, a iniciativa ainda está em fase de tratativas entre as prefeituras.

A reunião entre Gean e Picciani sobre a intenção de trazer a Arena a Florianópolis foi noticiada pelo colunista do DC Rafael Martini em fevereiro.

O ministro Picciani foi quem mediou as conversas com o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), para que a proposta fosse apresentada. Durante a coletiva realizada no Mercado Público de Florianópolis, Gean Loureiro informou que ainda há diferentes aspectos a serem tratados para que a Arena do Futuro possa ser catarinense:

— Pleiteamos instalá-la aqui. O ministro falou com o prefeito sobre a possibilidade de transporte e montagem em Florianópolis. É preciso avaliar dados técnicos para estabelecer a parceria para transporte, montagem e gerenciamento do espaço. Não foram concluídas todas as negociações, mas demos um passo considerável em contato com o ministro – disse.

Leonardo Picciani confirmou ter atuado como ponto em comum entre os dois prefeitos para a Arena do Futuro passe a ser de Florianópolis. 

Ministro do Esporte esteve em Florianópolis em evento voltado para incrementar o tênis nacional Foto: Diorgenes Pandini / Agencia RBS

De acordo com o projeto inicial, passadas as Olimpíadas e as Paraolimpíadas, a estrutura seria desmontada e o material utilizado para a construção de quatro escolas, com 16 salas cada, no município do Rio de Janeiro. Com a nova proposta, todo o equipamento seria desmontado e reinstalado em Santa Catarina. Ainda não há local determinado para abrigar o complexo.

— A cidade precisa de uma arena multiuso com especificações atualizadas e implementar o calendário esportivo da cidade. Estamos autorizados a conversar pela viabilização — disse o ministro.

De acordo com Picciani, Caso as negociações avancem e Florianópolis receba a Arena do Futuro, as escolas previstas para o Rio de Janeiro teria que ser construídas de outra forma. A previsão é de que elas ficassem prontas até o começo de 2018.

Seis meses depois das Olimpíadas, Rio gerencia seus elefantes brancos


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioSaiba quem são os candidatos do MP à vaga de desembargador https://t.co/QSm01bOP3ehá 2 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioInstalação de adutora provoca modificações no trânsito em São José e Florianópolis https://t.co/AbIB4H5qeOhá 22 minutosRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros