"Queremos agradecer por tudo o que fizeram por nós", falam Ruschel e Follmann na chegada à Colômbia - Esporte - O Sol Diário

Recopa08/05/2017 | 15h03Atualizada em 08/05/2017 | 15h49

"Queremos agradecer por tudo o que fizeram por nós", falam Ruschel e Follmann na chegada à Colômbia

Sobreviventes do desastre com o avião da Chapecoense desembarcaram no aeroporto de Rio Negro no início da tarde desta segunda-feira

"Queremos agradecer por tudo o que fizeram por nós", falam Ruschel e Follmann na chegada à Colômbia Bruna Bernardes/Agência RBS
Jacson Follman quer voltar ao local onde o avião caiu Foto: Bruna Bernardes / Agência RBS

Por volta das 11h14min (horário da Colômbia), 13h14min (Brasília), Alan Ruschel e Jakson Follmann desembarcaram no aeroporto internacional José María Córdova, no município de Rio Negro, a pouco mais de 20 quilômetros de Medellín, na Colômbia. Os sobreviventes do desastre com o avião da Chapecoense em novembro do ano passado chegaram acompanhados de familiares e de um médico do time catarinense. Ruschel e Follmann estão na Colômbia para acompanhar a final da Recopa Sul-Americana e também para cumprir uma missão: agradecer pessoalmente aqueles que ajudaram a salvar as suas vidas após a queda do avião que matou 71 pessoas.

Jornalistas e alguns torcedores estavam ansiosos aguardando  pelos dois. A toda hora, populares perguntavam às equipes de imprensa que horas seria o desembarque, mostrando entusiasmo em poder ver de pertinho os guerreiros da Chape.

Primeiro a falar com jornalistas, o lateral Alan Ruschel agradeceu novamente o carinho do povo da Colômbia. Disse que o sentimento é de gratidão e que estar mais um vez em solo colombiano é muito emocionante.

— É uma mistura de sentimento, nossa vinda para cá é mais para agradecer, foi fora do comum o que eles fizeram por nós, o povo colombiano está de parabéns — disse Ruschel.

Com o semblante tranquilo e a fala serena, Jakson Follmann também falou do quanto se sente agradecido por tudo o que os colombianos fizeram e que pretende, além de abraçar os médicos que o trataram após o acidente, voltar ao local onde o avião caiu.

— Preparados nós nunca estamos, mas estamos muito felizes porque o povo colombiano sempre nos abraçou e na verdade estamos ansiosos, esperamos poder reencontra-los e dizer um muito obrigado — falou.

Além de Ruschel e Follmann, o zagueiro Neto e o jornalista Rafael Henzel também são esperados na Colômbia. Eles devem desembarcar em Rio Negro na tarde desta segunda-feira, um pouco antes da delegação da Chapecoense, que será homenageada na base áerea assim que pousar. Da base aérea, seguem para o hotel em carreata. O primeiro e único treinamento antes da partida com o Atlético Nacional, quarta-feira, 21h45min (Brasília), será na noite de terça.

Leia também:

Torcedora do Atlético Nacional aguarda a delegação da Chape

Rodrigo Faraco: reconstrução fantástica da Chapecoense

ESPECIAL: os destaques da Chape no Catarinense 2017

Sobreviventes estarão na Colômbia para agradecer o carinho

 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPrisão de policiais do PPT vira batalha de versões na Polícia Civil e Militar em Balneário Camboriú https://t.co/44lw2UeMqNhá 26 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol Diário"Esperamos retomada de segurança pra que os negócios voltem à normalidade", diz Nivaldo Pinheiro, da Procave https://t.co/Cnfr40rY2Yhá 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros