Seijas estreia com vitória e agradece a recepção na Chapecoense: "É um bom lugar para recomeçar" - Esporte - O Sol Diário

Bem recebido20/05/2017 | 22h57Atualizada em 20/05/2017 | 23h51

Seijas estreia com vitória e agradece a recepção na Chapecoense: "É um bom lugar para recomeçar"

Meia foi formalmente apresentado após a vitória contra o Palmeiras

Seijas estreia com vitória e agradece a recepção na Chapecoense: "É um bom lugar para recomeçar" Márcio Cunha/Especial
Foto: Márcio Cunha / Especial

Uma situação inusitada na vitória da Chapecoense por 1 a 0 diante do Palmeiras é que o meia Seijas fez sua estreia na partida e foi apresentado oficialmente no clube após o jogo.

— Aqui na Chapecoense é assim. O jogador participa do jogo, se entrega, vence, e depois é apresentado. Isso por causa do nosso calendário, nossa rotina. Depois de tanto tempo longe de casa, nós voltamos e estamos com muito prazer, celebrando uma vitória importante para o nosso grupo, para o nosso treinador, para nossa comissão técnica, e sobretudo para a nossa torcida. Então vamos aproveitar a oportunidade para fazer aquela formalidade que faltava, que era apresentar o Seijas — explicou o diretor executivo do clube, Rui Costa.

Ele lembrou eu um pouco antes de entrar em campo o técnico Vagner Mancini disse ao atleta que ele era bem vindo à família Chapecoense. E destacou o esforço do jogador para vir treinar em Chapecó. Seijas afirmou que na primeira proposta acabou não aceitando por causa do colégio dos filhos, mas depois conversou com a família e decidiu acertar com o time catarinense.

— Achei que era o lugar certo para recomeçar — afirmou.

Seijas se destacou no Independiente Santa Fé e foi contratado pelo Internacional no ano passado. Até fez cinco gols pelo clube gaúcho mas perdeu espaço e acabou na reserva.

A contratação se durante as viagens da Chapecoense, quando o time retornou da final da Recopa estava em São Paulo se preparando para o jogo contra o Corinthians. Depois a delegação foi direto para a Argentina e só chegou em Chapecó na madrugada de sexta-feira.

Seijas fez apenas um treinamento e foi para o jogo, pois o lateral João Pedro, que atuava no meio, não podia jogar por acordo contratual, já que pertence ao Palmeiras.

O jogador agradeceu a recepção que teve no clube.

— Acho que é melhor assim, jogar e depois ser apresentado. Hoje me senti muito bem, como há tempos não sentia. Quero agradecer ao grupo. Não é fácil com um só treinamento ir para o jogo. A confiança que o grupo me deu foi fundamental. Quero agradecer a eles por isso. Estou muito feliz por poder ajudar e feliz pela vitória — disse Seijas.

Ele somente não poderá atuar na terça-feira, diante do Zúlia, pela Libertadores, pois não está inscrito. Só poderá jogar caso a Chapecoense passe de fase. 

Leia também:

Chape vence o Palmeiras no embalo da torcida

Acompanhe a tabela da Série A

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioBalneário Camboriú é a capital do bodyboarding até domingo https://t.co/CjD3DE8TsZhá 1 horaRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioConfira a situação do plantel do Figueirense no planejamento para 2018 https://t.co/311Vv2leV5há 2 horas Retweet
O Sol Diário
Busca