Claudinei Oliveira completa 50 jogos pelo Avaí diante do Vasco da Gama - Esporte - O Sol Diário

Comandante16/06/2017 | 15h24Atualizada em 16/06/2017 | 15h25

Claudinei Oliveira completa 50 jogos pelo Avaí diante do Vasco da Gama

Treinador acredita em balanço positivo desde o início do trabalho no Leão, com 25 vitórias e 12 empates desde o jogo contra Luverdense, na Série B

Claudinei Oliveira completa 50 jogos pelo Avaí diante do Vasco da Gama André Palma Ribeiro/Avaí FC
Treinador chega aos 50 jogos pelo Leão diante do Vasco Foto: André Palma Ribeiro / Avaí FC
DC Esportes
DC Esportes

Claudinei Oliveira vai fazer tudo o que pode para guiar o Avaí à vitória contra o Vasco. A equipe azurra precisa de pontos para sair da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Mas o comandante, particularmente, tem um motivo a mais para nutrir este desejo. O duelo das 19h de sábado, em São Januário, será sua 50ª partida como técnico do Leão.

O primeiro jogo foi em 30 de agosto do ano passado, o 2 a 1 sobre o Luverdense, na Ressacada, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Aquela foi a primeira das 25 vitórias que acumulou no cargo. Nos 49 jogos desde então foram 12 empates, 12 derrotas, com a equipe anotando 58 gols e sofrendo 37. Para ele, os números corroboram com o trabalho positivo desenvolvido até o momento. 

— Primeiramente é uma satisfação completar 50 jogos à frente do Avaí ininterruptos, porque às vezes você vai e volta. Eu cheguei nessa marca. No futebol brasileiro isso é difícil, então mostra que o trabalho está sendo bem realizado. Os números também, se levar em conta, tivemos o Estadual no meio, e Brasileiro da Série B e da Série A, campeonatos muito difíceis. Teve o acesso à Série A, o vice do Catarinense. Não podemos nos acomodar pelo que fizemos, temos que fazer muito mais ainda pelo Avaí, com o apoio da torcida, jogadores, diretoria, todos se unindo, para que esses 50 jogos vierem 100 — descreveu Claudinei.

Para que o desejo seja realizado, não é preciso o treinador afirmar que depende de resultados bons na Série A do Campeonato Brasileiro. Neste instante, isso significa sair da zona de rebaixamento e, para tal, somar três pontos ante o Vasco é imprescindível. 

— O Avaí entra pressionado no campeonato. Nós e o Atlético-GO, pelos orçamentos inferiores aos outros, as duas equipes entram com esse fator negativo. A folha não dá pra comparar. Somado a isso, temos que lutar contra erros de arbitragem que acontecem contra a nossa equipe. Já tiraram quatro pontos, poderíamos ter nove ou sete (tem cinco). Então, poderíamos estar fora da zona de rebaixamento hoje, mas não estamos e temos que lutar contra isso. É o quinto jogo fora de casa, uma tabela que não nos favorece nesse início, e já foi assim ano passado. Temos que correr um pouco mais que os outros para em algum lugar.

Confira as últimas do Avaí
Acesse a tabela da Série A


Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioZé Love deve ficar de fora, e Milton Cruz não dá sinal de escalação do Figueirense https://t.co/gQdMbThdAChá 13 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioPedro Castro destaca parceria com Simião no meio de campo do Avaí: "Estamos bem entrosados" https://t.co/XDRGJAyfPxhá 1 horaRetweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros