Com Cabo na área técnica, Figueira tentar acabar com jejum de vitórias - Esporte - O Sol Diário

Série B16/06/2017 | 08h12Atualizada em 16/06/2017 | 08h24

Com Cabo na área técnica, Figueira tentar acabar com jejum de vitórias

Anunciado na véspera, novo técnico faz estreia diante do Paraná Clube

Com Cabo na área técnica, Figueira tentar acabar com jejum de vitórias Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC
DC Esportes
DC Esportes

Nem o Figueirense, tampouco seu novo comandante têm tempo a perder. Por isso, Marcelo Cabo estará na área técnica alvinegra no Estádio Durival de Britto. Mesmo sem um treinamento de campo sequer, o técnico vai guiar o Figueira no duelo das 20h30min desta sexta-feira, contra o Paraná Clube, pela oitava rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Será, no mínimo, uma chacoalhada para que o Alvinegro termine a sequência negativa de cinco jogos sem vitória na competição. 

Anunciado no meio da tarde de quinta-feira, Marcelo Cabo foi direto para Curitiba. A equipe havia treinado no período da manhã, no CFT do Cambirela, e estava em deslocamento para a capital paranaense enquanto o Furacão informava seu novo treinador. Ele se juntou à delegação no hotel e o trabalho com os atletas na preparação para a partida será breve e direto: a preleção antes do deslocamento para o estádio.

Quando a bola rolar, vai no grito e gesticulações dentro da área técnica. O treinador não quer perder tempo e assume a responsabilidade mesmo sem ter um contato apropriado com o grupo de jogadores. Vai contar com o apoio do auxiliar permanente da comissão técnica, Márcio Coelho, e também com o conhecimento que tem do clube em que trabalhou em 2011 e 2012, assistente dos treinadores Jorginho e Branco. 

— Estou muito feliz com meu retorno ao Figueirense, muito alegre com essa oportunidade e com esse novo desafio na minha carreira. Agora é trabalhar bastante para que a gente possa colocar o Figueirense onde é seu devido lugar, que é brigando pelas primeiras posições. Estou muito alegre com esse retorno. Espero que a gente possa fazer um grande trabalho e, diante disso, alcançar os nossos objetivos. Na verdade, estou voltando pra casa. Era um objetivo meu na minha carreira de retornar ao Figueirense como treinador e fazer um grande trabalho. Era um objetivo que eu tinha. Esperamos concluir esse trabalho com um belo objetivo alcançado — disse o treinador à Rádio CBN Diário, antes de se juntar aos alvinegros.

A escalação da equipe para o confronto é uma incógnita. É provável que a formação seja muito parecida com as dos últimos jogos, com uma alteração irrevogável. O lateral-direito Dudu precisa cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo. A tendência é a entrada de Weldinho no setor. A dúvida é a utilização de Luidy, que entrou bem na última partida, foi autor dos gols que salvaram o Figueirense da derrota. Com ele a equipe pode retomar a forma de jogar em que venceu os dois primeiros jogos da Série B. Voltar a vencer, como se espera do efeito imediato com um novo comandante.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ: Richard; Cristovam, Wallace, Eduardo Brock e Igor; LeandroVilela, Gabriel Dias e Guilherme Biteco; Minho, Robson e Felipe Alves. Técnico:Cristian de Souza.

FIGUEIRENSE: Thiago Rodrigues; Weldinho, Naylhor, Bruno Alves e Iago; ZéAntônio, Dudu Vieira, Marco Antônio (Luidy) e Jorge Henrique; Robinho e Henan. Técnico:Marcelo Cabo.

ARBITRAGEM: Luiz César de Oliveira Magalhães, auxiliado porNailton Junior de Sousa e Renan Aguiar da Costa (trio do CE).

DATA E HORA: sexta, às 20h30min

LOCAL: Durival Britto, em Curitiba (PR)

Acesse a tabela da Série B
Leia mais notícias sobre o Figueirense


 

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioAcordeon Festival reúne músicos do Sul do Brasil em show de celebração do instrumento em vários ritmos https://t.co/7OC3rQcCGUhá 2 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioChapecoense confirma amistoso contra Roma em setembro https://t.co/o2kdK6bnmKhá 4 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros