Cristo Redentor "veste" uniforme de Guga Kuerten em homenagem ao primeiro título na França - Esporte - O Sol Diário

20 anos de Roland Garros08/06/2017 | 22h45Atualizada em 08/06/2017 | 22h53

Cristo Redentor "veste" uniforme de Guga Kuerten em homenagem ao primeiro título na França

Monumento no Rio de Janeiro recebeu iluminação diferenciada para reverenciar a conquista de Gustavo Kuerten em Roland Garros

Cristo Redentor "veste" uniforme de Guga Kuerten em homenagem ao primeiro título na França Miriam Jeske/Heusi Action
Cristo Redentor é decorado com amarelo e azul em homenagem à Guga Foto: Miriam Jeske / Heusi Action
DC Esportes
DC Esportes

O Cristo Redentor praticamente se vestiu de Gustavo Kuerten em homenagem ao aniversário do primeiro título do tenista em Roland Garros, na França. O cartão postal brasileiro, no Rio de Janeiro, foi decorado de forma especial em virtude dos 20 anos da conquista. A imagem foi iluminada nas cores azul e amarela, como em referência à veste de Guga na campanha que culminou com o troféu do Grand Slam ao vencer o espanhol Sergi Bruguera na decisão. 

A Arquidiocese do Rio de Janeiro, em parceria com a Federação Francesa de Tênis (FFT), foi responsável pelo tributo à conquista de Guga em 1997. Mesmo distante, cumprindo programação repleta de outras homenagens pelo aniversário da conquista, Gustavo Kuerten se manifestou ao ver o Cristo Redentor ¿vestido¿ como se fosse ele há 20 anos.

— Sinto uma emoção e uma gratidão extraordinária, porque o Cristo Redentor é o nosso principal símbolo de esperança, fé, superação e generosidade. Esse título de 97 foi construído com estes mesmos sentimentos que contagiavam as pessoas, unindo um país inteiro numa crença jamais imaginável. E foi assim, com a união de todos, que nós conseguimos conquistar o primeiro título de Roland Garros. Além disso, há uma curiosidade: a construção do Cristo Redentor criou também, coincidentemente, um elo entre brasileiros e franceses — disse Guga, lembrando que houve participação de engenheiro e de escultor da França na execução do monumento, inaugurado em 1931.

Veja especial em quadrinhos.

Foto: Ben Ami Scopinho / Arte DC



 
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros