Inter apenas empata com o Paraná e segue fora do G-4 da Série B - Esporte - O Sol Diário

Futebol pobre20/06/2017 | 23h20Atualizada em 21/06/2017 | 00h05

Inter apenas empata com o Paraná e segue fora do G-4 da Série B

Com 0 a 0 no Beira-Rio, equipe de Guto Ferreira é sexta colocada da competição

Inter apenas empata com o Paraná e segue fora do G-4 da Série B Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS
Rafael Diverio
Rafael Diverio

Pouco mais de 12 mil colorados agonizaram na gelada noite desta terça-feira (20) em mais uma pobre exibição do Inter na Série B. No Beira-Rio, não saiu de um triste 0 a 0 contra o Paraná, em 90 minutos sem um chute a gol do adversário.

Guto Ferreira apresentou um Inter com o retorno de Ceará à lateral direita, manteve Klaus na zaga, esticou Sasha do lado esquerdo. A ideia foi montar um 4-1-4-1, em uma linha de meio tendo D'Alessandro na direita, Fabinho e Uendel pelo meio e Sasha na esquerda. Nico foi o centroavante.

Os primeiros 15 minutos de jogo mostraram um time sem qualquer inspiração. A formação, ainda que mantivesse uma defesa organizada, não ajudava a ter qualquer lampejo de criatividade. Do lado esquerdo, Sasha era engolido pela marcação. D'Alessandro tentava compensar a pobreza técnica dos colegas de meio-campo indo buscar a bola e arriscar alguns passes mais ousados. Mas Ceará, claramente fora de ritmo, não dava sequência.

Leia mais:
VÍDEO: torcida do Inter protesta no Beira-Rio após empate com o Paraná
Cotação ZH: veja as notas dos jogadores do Inter no empate com o Paraná
Uendel cita "falta de controle do jogo" e diz que time foi apenas competitivo: "É pouco para o Inter" 

Veja como está a tabela da Série B depois do 0 a 0 de Inter x Paraná

Cada lance perdido no meio gerava contra-ataques ao Paraná. Em um deles, Danilo Silva falhou, mas Klaus recuperou e salvou o companheiro.

Sem criação, sem força, sem inspiração e sem disposição, o que o Inter teve de mais próximo de incomodar o goleiro do Paraná (cujo nome, Richard, quase não foi citado pelos narradores) foram chutões que Nico López brigou sozinho contra a defesa.

Assim, até o intervalo, o tempo se arrastou para passar no gélido Beira-Rio, diante do completo nada das duas equipes. Foram zero chutes a gol de parte a parte até as vaias que acompanharam o apito final.

Do vestiário, o Inter voltou com duas trocas" Nico López sentiu desconforto muscular e foi substituído por Brenner e Ceará deu lugar a Valdemir, Fabinho foi para a lateral.Quando o segundo tempo começou, Sasha participou de uma dividida e sentiu o joelho. Não resistiu. Marcelo Cirino entrou.

Tudo seguiu igual ao primeiro tempo. Com quase nada de criatividade, a primeira chance de gol só ocorreu aos 25 minutos — e de bola parada. D'Alessandro cobrou falta para a área, a zaga cabeceou para trás, perto da trave esquerda.

O Paraná levou perigo aos 29. Robson entrou na área e, na dividida, se atirou, simulando pênalti. O árbitro demorou para marcar, e o lance ainda virou gol, depois anulado. Ao final, mais vaias. E nada de G-4 para o Inter.

*ZHESPORTES

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioBrusque anuncia volante França, ex-Figueirense, como reforço para 2018 https://t.co/cbrzqQ5xx2há 2 horas Retweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioLoetz: 99 Pop, concorrente do Uber, chega a Joinville https://t.co/rtnO8NslX4há 9 horas Retweet
O Sol Diário
Busca