Avaí aposta no retrospecto contra os grandes para receber o Corinthians - Esporte - O Sol Diário

Pedra no sapato19/07/2017 | 07h30Atualizada em 19/07/2017 | 07h31

Avaí aposta no retrospecto contra os grandes para receber o Corinthians

Jogo pode valer a saída da zona de rebaixamento do Brasileirão

Avaí aposta no retrospecto contra os grandes para receber o Corinthians Arte DC/Arte DC
Foto: Arte DC / Arte DC

Contra os times que ocupam no momento o G-6, zona de classificação para a Copa Libertadores, o Avaí não sabe o que é perder. Nesta quarta-feira, o Leão tem a chance de manter a escrita contra o adversário de maior peso deste grupo: o líder da Série A do Brasileirão. O confronto com o Corinthians está marcado para as 21h na Ressacada. Jogo que pode valer a saída da zona de rebaixamento aos azurras, mas não será nada fácil. 

Será o quarto oponente do Avaí entre os que ocupam a área que dá vaga ao torneio continental. A equipe de Florianópolis tem duas vitórias e um empate nos três jogos até agora. Fora de casa, bateu Botafogo (que entra nesta rodada em sexto) e o Grêmio (atual segundo). Na Ressacada, o time azul e branco recebeu o Flamengo, próximo da zona de rebaixamento à época, e empatou em 1 a 1. 

Outros números ainda podem animar o torcedor do Leão: os do histórico dos jogos entre as duas equipes. Pela Série A, Avaí e Corinthians estão empatados. De 2009 até 2015, foram três vitórias azurras, outras três alvinegras e dois jogos terminados em igualdade. Por mais que a tábua de classificação aponte distanciamento entre os times, Avaí e Corinthians têm outro ponto em equilíbrio: a proposta de jogo. 

A liderança alvinegra tem a marca da postura de marcação forte e poucas e poderosas investidas ao ataque. Nas 11 vitórias que acumula, em cinco anotou apenas um gol e em três fez três ou mais tentos. O Avaí bem que gostaria de ter os mesmos resultados, mas a proposta é similar. O técnico Claudinei Oliveira saiu convencido do último compromisso, o empate em 1 a 1 com o Bahia, fora de casa, que a postura deve conter solidez defensiva e transição em velocidade ao ataque. Falta ter a mesma eficácia, o que a classificação comprova. Os estilos similares tendem a fazer do confronto um daqueles vencidos nos detalhes. 

– Vai ser este tipo de jogo. Quem esperar jogo bonito e de emoção, pode sair frustrado. Pelo que se desenha, pode esperar isso: jogo de tensão, e quem errar menos vai conseguir conquistar a vitória. Então, temos de deixar a ansiedade e pressão externa de lado para focarmos apenas em campo – descreveu o capitão Betão. 

O zagueiro deve estar em ação junto com os outros três atletas que estiveram com ele na linha defensiva no 1 a 1 com o Bahia. Mas a equipe terá alterações. Após cumprirem suspensões por cartões amarelos, o volante Judson e o meia Juan devem retornar ao time. O volante Luan, lesionado, continua entregue ao departamento médico. O aproveitamento do capitão Marquinhos é uma incógnita. 

Em virtude do desgaste, Claudinei não conseguiu fazer trabalho tático na véspera da partida. O treinador pode não ter treinado, mas compensa com a dúvida ao adversário, que terá alterações também. O zagueiro Pablo volta após período lesionado, enquanto Guilherme Arana e o meia Rodriguinho retornam de suspensão.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ: Douglas; Leandro Silva, Alemão, Betão e Capa; Judson, Wellington Simião (Pedro Castro) e Juan; Junior Dutra, Romulo (Marquinhos) e Joel. Técnico: Claudinei Oliveira 

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Jadson e Rodriguinho; Romero e Jô. Técnico: Fábio Carille

ARBITRAGEM: Wilton Pereira Sampaio, auxiliado por Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (trio de GO) 

DATA E HORA: nesta quarta-feira, às 21h 

LOCAL: Ressacada, em Florianópolis

Acesse a tabela do Brasileirão Série A 
Leia mais notícias sobre o Avaí

Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioNa véspera de seu aniversário, Temer tem despachos internos no Planalto https://t.co/YXQNxb9nJMhá 33 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioTerceirizada que administra prisões em SC suspende serviços por falta de pagamento https://t.co/PZs2CbECznhá 2 horas Retweet
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros