Avaí faz bom jogo e segura o líder Corinthians na Ressacada - Esporte - O Sol Diário

Série A19/07/2017 | 23h05Atualizada em 19/07/2017 | 23h10

Avaí faz bom jogo e segura o líder Corinthians na Ressacada

Leão ficou no empate sem gols com o Timão em casa

Avaí faz bom jogo e segura o líder Corinthians na Ressacada Marco Favero/Agencia RBS
Avaí e Corinthians ficaram no empate sem gols em Florianópolis Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Precisão que só não foi maior porque o chute de Joel parou na trave. O Avaí fez quase tudo certo e parou o líder do Campeonato Brasileiro. Quase porque faltou o gol de uma vitória nada casual. A estratégia do Leão freou o Corinthians, só não rendeu a vitória. O confronto terminou em 0 a 0, sob os gritos de alívio e frustração dos 10.926 torcedores presentes na Ressacada.

Foi o segundo empate seguido do Avaí, que segue na zona de rebaixamento. A equipe azurra continua na Ressacada para enfrentar o Cruzeiro, às 16h de domingo. Também pela 16ª rodada da Série A do Brasileirão, no mesmo dia e horário, o Corinthians encara o Fluminense, no Maracanã.

Quem espera quase alcança

Suportar o adversário e atentar no contragolpe. O Avaí esperou o Corinthians no seu campo e obrigou o líder do campeonato sair de sua característica, não podia ficar atrás. Desta forma, passados 20 minutos, as melhores estocadas eram azurras. O único susto propiciado pelo Timão até aquele momento foi um aparição de Maycon na área, que mandou fora ao ficar de frente com Douglas. Os visitantes tiveram problemas com lesões cedo. Pablo e Jadson deixaram e o Timão demorou a se encontrar com Pedro Henrique e Marquinhos Gabriel. Foi quando o Avaí teve a grande chance de toda etapa - claríssima e desperdiçada.

Aos 25, Junior Dutra inverteu a bola para que ela encontrasse Juan sozinho dentro da área. O meia não conseguiu dominar bem e o chute de pé direito foi sem jeito. Os alvinegros se reencontraram na parte final, na resposta aos contra-ataques do Leão. Porém, não conseguiram mais do que arremates de fora e para fora.

Sem alteração, de atletas e de postura. Só que o Avaí marcava com a defesa mais avançada. Dava nada mais que a bola ao Corinthians. Por isso, encontrou cruzamentos e um deles quase terminou na rede. Leandro Silva botou no miolo da área e Simião entrou livre, de frente para a trave. A bola tocou a coxa e foi sobre o travessão. Aos 23, o lateral-direito tentou novamente e quase surpreendeu Cássio. Deu fim ao período em que o Timão trocou passes sem efetividade. Até Rodriguinho mandar um voleio para que Douglas fizesse a grande defesa da noite, aos 28. A resposta azurra foi imediata.

Joel recebeu sozinho no lado esquerdo, ficou de cara com o goleiro e mandou o cruzado que só não foi perfeito porque bateu no lado de dento da trave e não entrou. O ¿uh¿ ecoou na Ressacada, em uníssono. O Corinthians também colocou no ferro. Betão errou ao afastar um cruzamento e o desvio tocou o travessão. O final foi de pressão dos dois lados, só não teve gol a ser gritado.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ: Douglas; Leandro Silva, Alemão, Betão e Capa; Judson (Lucas Otávio), Wellington Simião (Marquinhos), Pedro Castro e Juan (Romulo); Junior Dutra e Joel. Técnico: Claudinei Oliveira.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner; Pablo (Pedro Henrique), Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel (Kazin), Maycon, Rodriguinho, Jadson (Marquinhos Gabriel) e Romero; Jô. Técnico: Fábio Carille.

CARTÕES AMARELOS: Fagner, Marquinhos Gabriel e Romero (C). Capa (A).

ARBITRAGEM: Wilton Pereira Sampaio, auxiliado por Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (trio de GO)

PÚBLICO E RENDA: 10.926 torcedores para uma renda de R$ 339.435,00

LOCAL: Ressacada, em Florianópolis.

Acesse a tabela do Brasileirão Série A 
Leia mais notícias sobre o Avaí

O Sol Diário
Busca