Motocross traz pilotos brasileiros e estrangeiros para Santa Catarina  - Esporte - O Sol Diário
 
 

Adrenalina26/07/2017 | 08h00Atualizada em 26/07/2017 | 08h00

Motocross traz pilotos brasileiros e estrangeiros para Santa Catarina 

Etapa do Campeonato Brasileiro será neste fim de semana em São José

Motocross traz pilotos brasileiros e estrangeiros para Santa Catarina  Tiago Wolff/CBM
Expectativa da CBM é de mais de 250 pilotos no Motódromo Marronzinho - João Paulino da Silva Júnior Foto: Tiago Wolff / CBM
DC Esportes
DC Esportes

Engana-se quem pensa que o Campeonato Brasileiro de Motocross é disputado apenas por pilotos do Brasil. Espanhóis, portugueses, venezuelanos e equatorianos correm atrás do título, além, é claro, dos brasileiros. E neste sábado e domingo, as provas da 2ª etapa da competição serão na pista do Motódromo Marronzinho – João Paulino da Silva Júnior, no bairro Potecas, em São José, na Grande Florianópolis. As corridas também valem pela 3ª etapa do Estadual. São esperados mais de 250 pilotos.

Considerado o principal campeonato de motocross da América Latina, o Brasileiro atrai pilotos de vários países. Um deles é o atual campeão nacional na principal categoria, a MX1, Jetro Salazar, do Equador. Essa classe é uma espécie de Fórmula-1 da modalidade. 

— O nível do campeonato é muito alto, só perde para os Estados Unidos. Temos o maior campeonato da América Latina — salienta o presidente da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), Firmo Alves, que enfatiza a grande presença de público. — Com todo respeito aos outros esportes, mas em público o Motocross só perde para o futebol, são cerca de 20 mil pessoas a cada etapa, já chegamos a ter 30 mil. 

Brasileiro de Motocross volta a ser realizado em Santa Catarina

Entre os catarinenses, destaque para Milton Becker, o Chumbinho, que é natural de Itapiranga, mas reside atualmente em Joinville. Ele subiu no lugar mais alto do pódio na corrida de abertura em duas categorias: MX4 e MX5. É o líder nas duas. 

— Vou correr em casa, pelo meu Estado. Trabalhei bastante para esta etapa e espero somar pontos importantes e tentar seguir líder do campeonato, claro se possível uma pontuação máxima seria muito importante — projeta Chumbinho. 

Na MX1, o paulista Eduardo Lima lidera após a vitória na etapa de abertura do campeonato, em Cornélio Procópio (PR), em junho. Jetro ocupa a vice-liderança e o espanhol Carlos Campano está em terceiro. Na MX2, Gustavo Pessoa (SP) está na frente, seguido por Leonardo de Souza (PR) e Fábio Santos (SP).

SERVIÇO

A 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross e 3ª do Estadual é neste sábado e domingo no Motódromo Marronzinho - João Paulino da Silva Júnior, no bairro Potecas, em São José, na Grande Florianópolis (SC). A pista tem 1.600 metros com obstáculos diversos obstáculos para os pilotos. 

Categorias em disputa: MX1 (principal), MX2, MX2JR, MXJR,MX3, MX4, MX5, 230cc, 65cc e 50cc

Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente ao custo de R$ 10,00 (para o sábado) e R$ 20,00 (domingo). 

Postos de venda dos ingressos 
Geração Yamaha - Via Expressa, km 3,5, bairro Capoeiras, Florianópolis.
Honda Amauri - Avenida Presidente Kennedy, 87, bairro Campinas, São José.
Moto Shop Racing - Avenida Salvador di Bernardi, 758, bairro Campinas, São José.
BR Motos - Rua Francisco Nappi, 357, bairro Ipiranga, São José.
AC Motos - Rua Francisco Roberto da Silva, 77, bairro Rio Caveiras, Biguaçu.
Dorvalino Motos - Avenida Bom Jesus de Nazaré, 826, bairro Aririu, Palhoça.


O Sol Diário
Busca