Paredão Douglas salva e Avaí vence o Cruzeiro na Ressacada - Esporte - O Sol Diário

Série A23/07/2017 | 17h52Atualizada em 23/07/2017 | 19h06

Paredão Douglas salva e Avaí vence o Cruzeiro na Ressacada

Leão fez 1 a 0 no time mineiro pelo Campeonato Brasileiro

Paredão Douglas salva e Avaí vence o Cruzeiro na Ressacada Cristiano Estrela/Agencia RBS
Júnior Dutra marcou o gol da vitória do Avaí Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

O Avaí quebrou um tabu na tarde deste domingo na Ressacada. O time nunca havia vencido o Cruzeiro em jogos pelo Campeonato Brasileiro – em oito partidas, empatou cinco e perdeu outras três. O autor do gol da vitória foi Júnior Dutra, ainda no primeiro tempo: 1 a 0. Douglas mais uma vez montou um paredão e fez grandes defesas. O Leão está na 17ª posição na tabela da Série A do Brasileirão com 17 pontos. 

Marcando de perto o principal jogador adversário, Thiago Neves, o Avaí teve paciência para dar o bote no momento certo. Nos primeiros minutos, o Leão cercou a Raposa, que só conseguiu levar algum perigo ao gol defendido por Douglas nos chutes de fora da área. Foram três tentativas. Na primeira, Henrique tentou surpreender, mas o goleiro mostrou que está em boa fase e espalmou. Depois foi a vez de Elber, a bola passou à esquerda. Thiago Neves também tentou de fora da área, mas de novo Douglas salvou. O Cruzeiro ainda levou algum perigo em jogada pela direita. Sassá recebeu passe na frente do gol, mas a zaga do Avaí se antecipou e tirou a bola do atacante. 

Quando o Cruzeiro mais se arriscava em busca do gol, o Avaí aproveitou um contra-ataque e abriu o placar na Ressacada. Em cruzamento da direita de Leandro Silva, Júnior Dutra recebeu dentro da área, dominou e tirou do goleiro Fábio. Um prêmio para a paciência azurra no jogo. 

Até o fim da etapa inicial, o Cruzeiro continuou dando as cartas do jogo, fazendo cruzamentos e tentando nos chutes de fora da área. O Avaí se defendeu. Douglas ainda pegou um chute de Rafael Sobis. Depois Sassá recebeu cruzamento e, para a sorte do Leão, errou a bola. 

Logo no começo do segundo tempo, o Avaí poderia ter marcado o segundo. Leandro Silva cruzou e Pedro Castro cabeceou para fora. Depois disso, o Cruzeiro voltou controlar a partida, com mais posse de bola e chances de empatar. 

O time mineiro reclamou de um pênalti no choque entre Douglas e Elber. Na continuação do lance, Sassá chutou e a bola bateu no zagueiro Alemão. Douglas voltou a salvar o Avaí em pelo menos três lances. Para dar novo fôlego ao time e segurar o resultado, o técnico Claudinei Oliveira fez alterações. Simião saiu para a entrada de Lucas Otávio e Juan deu lugar a Romulo. Nos minutos finais, Willians entrou para a saída de Joel. A Raposa ainda tentou pelo menos o empate, mas a tarde era mesmo do Leão.

O Avaí volta a campo no próximo domingo, às 19h, para enfrentar o Palmeiras, fora de casa.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ: Douglas; Leandro Silva, Betão, Alemão e João Paulo; Judson, Wellington Simião (Lucas Otávio) e Pedro Castro; Juan (Romulo), Junior Dutra e Joel (Willians). Técnico: Claudinei Oliveira

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero, Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Lucas Silva (Arrascaeta) e Élber; Thiago Neves (Rafael Marques), Rafael Sobis e Sassá (Raniel). Técnico: Mano Menezes

GOL: Júnior Dutra (A)

CARTÕES AMARELOS: Simião, Judson (A)

ARBITRAGEM: Flávio Rodrigues de Souza, auxiliado por Daniel Paulo Ziolli e Daniel Luis Marques (trio de SP)

LOCAL: Ressacada, em Florianópolis

PÚBLICO: 6.773

RENDA: R$ 154.475,00

Acesse a tabela do Brasileirão Série A 
Leia mais notícias sobre o Avaí

 
O Sol Diário
Busca
clicRBS
Nova busca - outros