Avaí fica dez minutos fora do Z-4, mas cede empate ao São Paulo - Esporte - O Sol Diário

Série A20/08/2017 | 18h09Atualizada em 20/08/2017 | 20h00

Avaí fica dez minutos fora do Z-4, mas cede empate ao São Paulo

Leão saiu na frente com gol de pênalti, mas Tricolor deixou tudo igual

Avaí fica dez minutos fora do Z-4, mas cede empate ao São Paulo Cristiano Estrela/Diário Catarinense
Foto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense
DC Esportes
DC Esportes

Caso tivesse vencido, o Avaí poderia ter saltado três posições e terminar a 21ª rodada em 16º colocado, uma colocação acima da zona de rebaixamento do Brasileirão. No entanto, o Leão da Ilha teve dificuldades contra o São Paulo neste domingo na Ressacada, outra equipe que luta para não cair. O jogo terminou empatado em 1 a 1, com ambos os gols de pênaltis. Junior Dutra abriu o placar na metade do segundo tempo. Mas Hernanes deixou tudo igual dez minutos depois.

As duas equipes se enfrentaram numa tarde nada convidativa para um jogo de futebol: chuva, frio e um vento sul tão forte que acabou se tornando um adversário para as duas equipes. Mesmo assim, 9 mil pessoas compareceram à Ressacada, sendo que a torcida do São Paulo lotou completamente o setor visitante.

Com o resultado, o Avaí segue na 19ª colocação. O próximo jogo do Leão é uma nova chance para sair da zona da degola: o clássico contra a Chapecoense, às 19h do próximo domingo na Ressacada.

Primeiro tempo

Mesmo com o vento ao seu favor na etapa inicial, o Avaí passou por dificuldades. Aos dois minutos, após cruzamento de Edimar na área, Douglas afastou de soco. Logo depois, o vento mostrou sua cara quando o atacante são-paulino Gilberto tentou uma bicicleta e errou em bola. Aos dez minutos, o Avaí teve primeira chance com um chute cruzado forte do lateral Capa, sozinho, mas passou por cima do gol.

O Leão passou a ter dificuldades na saída de bola, e o São Paulo pressionou com jogadas sempre passando pelo volante Hernanes. Aos 19 minutos, Gilberto cabeceou forte no canto direito do gol de Douglas, que defendeu com uma bela ponte. A pressão aérea continuou, e o zagueiro Rodrigo Caio arriscou outro cabeceio, este por cima do travessão. O Avaí reagiu após uma falha do goleiro Sidão, que repôs mal a bola. Judson roubou a sobra, mas chutou alto demais. Detalhe é que o goleiro tricolor passou toda a primeira etapa demorando para repor a bola.

Aos 36 minutos, um erro entre os zagueiros do Avaí, que afastaram mal, deixou a bola nos pés de Jucilei. Ele passou para Hernanes, que chutou forte. A confusão na área terminou com a bola nas mãos de Douglas. A chuva começou a cair forte na Ressacada a partir dos 40 minutos. No último lance, Rodrigo Caio quase marcou com um cabeceio forte, que passou ao lado do gol.

Segundo tempo

Na etapa complementar, as chances claras passaram a acontecer tão logo a bola rolou. No primeiro minuto, após pegar a sobra de um cruzamento, Luan chutou forte e Sidão espalmou para a área. O São Paulo teve uma boa chance três minutos depois com Gilberto, que recebeu sozinho na área um grande passe de Hernanes, mas o goleiro Douglas se antecipou. Aos 12 minutos, em novo ataque, Hernanes, sozinho na área, cabeceou forte para o chão e Douglas fez a defesa mais bonita do jogo de mão trocada.

O vento diminuiu a partir dos 15 minutos, e o Avaí passou a melhorar em campo. Capa quase fez um gol de lateral com um chute cruzado, a bola passou à esquerda do gol. O São Paulo passou a cometer muitas faltas. Arboleta recebeu amarelo depois de derrubar Luan. Aos 22 minutos, os visitantes cometem pênalti. Edimar derrubou Willians, que entrou no segundo tempo no lugar de Joel. Junior Dutra, o artilheiro avaiano, abriu o placar: bola no lado esquerdo, goleiro de outro. E Junior Dutra quase ampliou na sequência. O goleiro Sidão falhou em mais uma reposição, e o atacante pegou, dominou e chutou para fora.

A alegria do Avaí durou apenas 10 minutos. Aos 33, Pedro Castro desviou um escanteio com a mão. Pênalti marcado por Leandro Pedro Vuaden. Douglas chegou a encostar na bola, mas Hernanes conseguiu empatar. Depois do empate, o goleiro Douglas se firmou como o protagonista da partida ao evitar dois gols, o primeiro com um chute de Marcos Guilherme e, na sequência, em uma cobrança de falta de Hernanes. O goleiro foi muito aplaudido pela torcida, que voltou para casa insatisfeita com o empate e a chance de sair do Z-4 desperdiçada pelo time.

Gol de Junior Dutra

Gol de Hernanes

FICHA TÉCNICA

Avaí (1)
Douglas; Leandro Silva, Airton, Alemão e Capa; Luan (Luanzinho), Judson, Pedro Castro, Juan (Diego Tavares); Joel (Willians) e Junior Dutra.
Treinador: Claudinei Oliveira

São Paulo (1)
Sidão; Rodrigo Caio, Arboleda, Buffarini e Edimar; Jucilei (Jonatan Gomez), Petros e Hernandes; Gilberto, (Denílson) Marcos Guilherme e Cueva (Lucas Fernandes).
Técnico: Dorival Júnior

Gols: Junior Dutra (AV), aos 24 minutos do 2º tempo; Hernanes (SP), aos 33 minutos do 2º tempo.
Cartões Amarelos: Luan e Diego Tavares (AV); Arboleda e Hernanes (SP),
Arbitragem: 
Leandro Pedro Vuaden (RS), auxiliado por Jose Eduardo Calza (RS) e Mauricio Coelho Silva Penna (RS)
Público total: 9269
Renda: R$ 341.216 

Acesse a tabela do Brasileirão Série A 
Leia mais notícias sobre o Avaí


Siga O Sol Diário no Twitter

  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioFigueirense fará pré-temporada no CFT do Cambirela, em Palhoça https://t.co/PFcBOiwjuEhá 51 minutosRetweet
  • osoldiario

    osoldiario

    O Sol DiárioClaudinei promete que Avaí vai brigar até o final contra a queda https://t.co/Ow0heLT0Czhá 7 horas Retweet
O Sol Diário
Busca